PUBLICIDADE
Política
Opiniao

Jornalistas elegem personagens que foram destaque na política e fazem apostas para o que virá

No episódio 100 do podcast, jornalistas comentam começo da campanha eleitoral e também elegem o fato político e a personagem mais importante desses pouco mais de dois anos de programa. E também fazem suas apostas para o que virá nos próximos dois anos

18:18 | 30/09/2020
Podcast Jogo Político (Foto: Podcast Jogo Político)
Podcast Jogo Político (Foto: Podcast Jogo Político)

O podcast Jogo Político chega ao episódio 100. Os jornalistas do O POVO elegem quem foram as personagens mais importantes, mais influentes destes mais de dois anos de programa. Apontam também quais os fatos políticos mais marcantes deste período. E fazem também as apostas para os rumos do País e do Estado nos próximos dois anos. O que se projeta? Quem deve se fortalecer? Quem pode entrar em decadência? Quais as tendências.

Ouça o Jogo Político:

O programa especial é também o primeiro desde o início da campanha eleitoral. Então, os jornalistas analisam os passos iniciais da campanha e dão as primeiras impressões.

O Jogo Político 100 tem a participação de Guálter George, editor de Política e colunista do O POVO, Tânia Alves, editora, coordenadora e colunista, Carlos Mazza, repórter e colunista, e Érico Firmo, editor e colunista. Neste episódio especial há também as participações especiais de Plínio Bortolotti, Eliomar de Lima, João Marcelo Sena, Carlos Holanda e Henrique Araújo.

Veja quais foram os destaques de cada jornalista. Podiam ser apontados fatos ou personagens no Ceará, no Brasil ou no mundo:

Fato político dos últimos dois anos

Carlos Holanda: eleição de Bolsonaro

Carlos Mazza: influência chinesa na economia brasileira

Eliomar de Lima: motim da Polícia Militar este ano

Érico Firmo: pandemia de Covid-19

Guálter George: eleição de Bolsonaro

Henrique Araújo: eleição de Bolsonaro

João Marcelo Sena: eleição de Bolsonaro

Plínio Bortolotti: eleição de Bolsonaro

Tânia Alves: fortalecimento do movimento negro

Personagem da política nos últimos dois anos

Carlos Mazza: Damares Alves

Eliomar de Lima: governador Camilo Santana

Érico Firmo: ex-secretário André Costa

Guálter George: governador Camilo Santana

Henrique Araújo: presidente Jair Bolsonaro

João Marcelo Sena: presidente Jair Bolsonaro

Plínio Bortolotti: Caetano Veloso

Tânia Alves: Felipe Neto

Aposta política para os próximos dois anos

Carlos Holanda: Bolsonaro chega como candidato a ser batido em 2022

Carlos Mazza: indicação de Bolsonaro para o STF será sua escolha mais importante. Outra aposta é a volta da maldição dos vices em Fortaleza

Eliomar de Lima: Camilo não ficará sem mandato em 2022

Érico Firmo: crescimento dos policiais militares como força política, seja com Capitão Wagner como prefeito, seja como oposição indignada em caso de derrota

Guálter George: eleição presidencial de 2022 será histórica, no pior sentido do termo

Henrique Araújo: Bolsonaro pode caminhar para uma reeleição sem muita dificuldade

João Marcelo Sena: eleição americana dará pista do que pode acontecer no mundo pós-pandemia

Plínio Bortolotti: avanço do Psol

Tânia Alves: resultado da Eleição dos Estados Unidos, que para onde vai, parte do mundo vai junta