PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

Ministro Sérgio Moro estuda pedir demissão caso Bolsonaro troque diretor geral da PF

O ex-juiz estaria estudando possibilidade como oposição a troca de Maurício Valeixo

15:29 | 23/04/2020
Ministro da justiça Sérgio Moro estaria estudando pedir demissão
Ministro da justiça Sérgio Moro estaria estudando pedir demissão (Foto: Marcello Casal Jr/Agência Bras)

O ministro da justiça Sérgio Moro estaria estudando pedir demissão após o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) ter informado, nesta quinta-feira, 23, que pretende trocar a diretoria-geral da Polícia Federal, ocupada por Maurício Valeixo. O ex-juiz da Lava Jato foi quem indicou Valeixo para ocupar o cargo e se mostrou resistente a saída do aliado, considerando a possibilidade de pedir demissão em oposição ao ato, de acordo com informações do Estadão.

Bolsonaro teria informado ao ministro sobre a troca do diretor durante uma reunião. Sérgio Moro se mostrou contrariado e considerou possibilidade de pedir demissão, ao que o presidente tentou convencê-lo do oposto. De acordo com informações da Folha de São Paulo, os ministros Braga Netto (Casa Civil) e Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo) foram escalados por Jair para convencer Moro a não se demitir.

Aliados do ministro, no entanto, informaram que Moro sairá do cargo se Valeixo sair, mostrando que ex-juiz estava irredutível quanto a essa decisão. Ainda segundo a Folha, Bolsonaro tenta mudar o comando da PF desde o ano passado, visando ter controle sobre a a atuação da polícia.

Impeachment ou golpe: o que chega primeiro para Bolsonaro? Ouça o Podcast Jogo Político

Listen to "Jogo Político" on Spreaker.