PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

#ForaBolsonaro chega ao 2º lugar no ranking dos assuntos do Twitter mundial após demissão de Mandetta

Às 18 horas desta quinta-feira, #Mandetta encontrava-se em primeiro e #ForaBolsonaro em segundo lugar dos mais comentados do Brasil no Twitter

18:53 | 16/04/2020
Bolsonaro fica fraco e Mandetta sai forte (Foto: Sergio LIMA / AFP)
Bolsonaro fica fraco e Mandetta sai forte (Foto: Sergio LIMA / AFP)
A demissão de Luiz Henrique Mandetta do cargo de Ministro da Saúde em meio à crise do coronavírus tem sido ruidosa nas redes sociais nesta quinta, 16. Por volta das 18h, críticos do governo emplacaram a campanha #ForaBolsonaro no segundo lugar dos assuntos mais relevantes do mundo no Twitter.
No ranking global, a expressão "Ministro da Saúde" estava em sétimo lugar na lista, e "bozo", como alguns detratores do presidente Jair Bolsonaro se referem a ele, fechava a lista dos dez termos mais relevantes mundialmente. 
Uma hora antes, de acordo com a ferramenta Trends24, "Mandetta" também havia chegado ao segundo lugar dos trending topics mundiais. A hashtag #BolsonaroVirus também chegou a integrar a lista, em quinto lugar. Às 18 horas desta quinta-feira, #Mandetta encontrava-se em primeiro e #ForaBolsonaro em segundo lugar dos mais comentados do Brasil no Twitter. 

Repercussão 

Em discurso emocionado, o ministro Luiz Henrique Mandetta agradeceu à sua equipe no Ministério da Saúde, pediu que colaborem com o novo ministro e que sigam a ciência e os princípios que os nortearam. "Não façam um milímetro diferente do que vocês sabem fazer". O oncologista Nelson Teich assume o posto.
O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), se manifestou após a demissão de Luiz Henrique Mandetta do Ministério da Saúde. Enquanto comandava sessão na Casa, Maia disse que o agora ex-ministro "deixa um legado" para a sequência do enfrentamento da crise do coronavírus. Parlamentares endossaram o discurso de Maia, inclusive alguns da oposição.

Ouça o podcast:

Listen to "Jogo Político" on Spreaker.