PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

Políticos manifestam pesar pela morte de Bebianno e relembram conflito com Bolsonaro

11:42 | 14/03/2020
Gustavo Bebianno morreu na madrugada deste sábado, 14
Gustavo Bebianno morreu na madrugada deste sábado, 14 (Foto: EVARISTO SA / AFP)
Políticos usaram suas redes sociais nesta sábado para manifestar pesar pela morte, ocorrida nesta madrugada, do ex-secretário-geral da Presidência Gustavo Bebianno. A deputada estadual, Janaina Paschoal (PSL-SP), afirmou que o Brasil "perdeu um homem bom, um homem que trabalhou intensamente pelo bem deste país e nunca se revoltou por ter sido injustiçado". E acrescentou: "Há muito tempo, não sinto tanto uma morte. Minhas condolências à família do ex-ministro Gustavo Bebianno".
O deputado federal pelo PT Rogério Correia escreveu que Bebianno sabia de "muitos podres" do presidente. "Na data que se completam dois anos que milicianos ligados à família Bolsonaro mataram Marielle. Gente estranha e inconfiável!", escreveu.
 
O deputado federal Alexandre Frota (PSDB-SP) afirmou que (o ex-ministro) se foi e levou com ele "muitas verdades". "O desgosto da vida matou Bebianno. Para uns e outros hoje vai ter festa no Palácio. Para amigos e família a saudade, e para o Brasil uma voz importante que se calou", disse o parlamentar.
 
Por volta das 10h da manhã deste sábado, 'Bebianno' liderava os trending topics, assuntos mais comentados no Twitter no Brasil.