PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

Vídeo esclarece lesão de presidente de sindicato durante protesto contra votação da Previdência

O POVO teve acesso com exclusividade a um vídeo que mostra o momento exato da ocorrência

18:30 | 19/12/2019

Em meio aos protestos realizados contra a votação da Previdência no Ceará, que acabou sendo aprovada na tarde desta quinta-feira, 19, a presidente do Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Saúde do Estado (Sindsaúde), Marta Brandão, acabou lesionada e foi socorrida a uma unidade de saúde. O POVO teve acesso com exclusividade a um vídeo que mostra o momento exato da ocorrência.

As imagens mostram os manifestantes na linha de frente do protesto, arrancando grades de proteção da Assembleia Legislativa do Ceará (AL-CE), entrando em confronto com agentes de segurança. Brandão e outros integrantes do movimento estão tentando retirar uma das grades quando de repente a estrutura se solta e, acidentalmente, atinge o rosto da servidora.

Após o fato, Marta Brandão leva as mãos ao rosto e corre junto a outros manifestantes para fugir de bombas de gás lacrimogêneo arremessadas por policiais militares.

Protestos

Desde a última quarta-feira, 18, servidores têm entrado em confronto com policias, em discordância com a Previdência, que já havia tido a emenda aprovada e nesta quinta-feira culminou com votação de 33 votos a favor e oito contrários de deputado estaduais do Ceará. A PEC 17/19 altera a idade mínima de aposentadoria de 60 para 65 anos entre homens e 55 para 62 entre mulheres.

Além da PEC, um Projeto de Lei Complementar (PLC), também altera regras da previdência do Estado.