PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

Fim das coligações proporcionais e renovação política são tema de reunião entre vereadores

Encontro nacional reúne, em Fortaleza, mais de 500 vereadores de 127 municípios de 16 estados

14:20 | 27/09/2019
Encontro reuniu mais de 500 vereadores do todo o País em Fortaleza
Encontro reuniu mais de 500 vereadores do todo o País em Fortaleza(Foto: Filipe Pereira/ O POVO)

Discutindo o papel de fiscalização do vereadores no combate à corrupção, a otimização dos recursos públicos e as eleições 2020, chegou ao fim, na manhã desta sexta-feira, 27, o Encontro Nacional de Legislativos Municipais 2019. O evento reuniu, em Fortaleza, mais de 500 vereadores de 127 municípios de 16 estados. 

Guto Mota, presidente da União dos Vereadores e Câmaras do Ceará (UVC), explica que o evento buscou fazer com que os vereadores "melhorem sua atuação e, consequentemente, os eleitores se sintam mais e melhor representados".

"A base da política são os vereadores. São 2 mil no Ceará e 50 mil no País. É quem está no dia a dia recebendo os eleitores nos municípios", citou Mota. Para ele, "existem casos de maus políticos, mas existem muito mais que fazem uma boa política que devem ser exaltados". 

Também presente no encontro, Will Almeida, vereador de Acopiara e subprocurador geral da UVC, destacou que a grande mudança para as eleições de 2020 é o fim das coligações, que "fortalecerá os partidos". "Muitos terão que migrar para determinados partidos para juntos atingirem o coeficiente eleitoral e terem chance de disputar uma cadeira na câmara municipal", projetou.

Leia também: Alto número de candidaturas à Câmara desponta como estratégia

Fim das coligações impõe novo pensamento estratégico

A mudança de cenário desde o Governo Federal gera preocupação entre os vereadores com o movimento da sociedade em descredibilizar a política. Enquanto Almeida afirma que "é importante ter renovações em todos os municípios do Ceará", Mota complementa e destaca a necessidade de "dialogar direto com a sociedade e mostrar que, para mudar a política, tem que ser pela política, renovando os quadros".

A última manhã do encontro teve como foco o papel de fiscalização exercidos pelos representantes do legislativo municipal. "Acompanhar os problemas cotidianos do município e buscar soluções é o fundamental no exercício do cargo de vereador para ser realmente o elo entre a população e o Executivo", finaliza Mota.

Com informações do repórter Filipe Pereira