PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

Mourão deixa hospital onde Bolsonaro está internado sem falar com a imprensa

23:32 | 09/09/2019
O presidente da República em exercício, general Hamilton Mourão, deixou o Hospital Vila Nova Star, onde o presidente Jair Bolsonaro se recupera de uma cirurgia para correção de hérnia incisional, às 13h43, 17 minutos após chegar, acompanhado de sua comitiva.
Mourão chegou e saiu do local sem falar com a imprensa. Uma assessora do vice-presidente confirmou a saída dele do hospital e disse que os dois conversaram. Na agenda pública de Mourão, estava previsto para às 15h o retorno a Brasília. Pela manhã, ele participou em São Paulo da cerimônia de 15 anos do Conselho Empresarial Brasil-China (CEBC). Ao comentar no evento a guerra comercial entre Estados Unidos e China, disse que o Brasil fica comprometido com a redução global da atividade.
Devido ao processo de recuperação do presidente Jair Bolsonaro, Mourão atua como presidente em exercício até quinta-feira, de acordo com o porta-voz da Presidência, general Rêgo Barros.
O presidente foi submetido ontem à quarta cirurgia após ter sido esfaqueado há um ano, durante a campanha eleitoral, em Juiz de Fora (MG).
Em coletiva de imprensa nesta manhã, o porta-voz da Presidência, Rêgo Barros, disse que Bolsonaro encontra-se estável e tem boa evolução clínica.
Rêgo Barros disse, ainda, que Bolsonaro se mostra disposto a realizar trabalhos de condução da Presidência da República. "É da natureza do presidente estar ativo o mais rápido possível. O presidente se mostra disposto a realizar os trabalhos de condução da Presidência, ainda que tenhamos o vice-presidente Hamilton Mourão o substituindo", afirmou Rêgo Barros.
"O presidente participa das decisões por meio de interlocução com ministros e com o própria general Mourão", explicou o porta-voz.