PUBLICIDADE
Notícias

Bonat é o novo juiz da Lava Jato em Curitiba

20:03 | 08/02/2019
O juiz Luiz Antônio Bonat foi confirmado ontem como sucessor do ex-juiz Sérgio Moro na condução da Lava Jato na primeira instância. Bonat vai assumir a cadeira que foi ocupada pelo atual ministro da Justiça na 13ª Vara Federal de Curitiba.
O nome de Bonat foi aprovado por unanimidade pelo Conselho de Administração do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) - corte que abrange Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina.
O substituto de Moro disse que respeitará o que determina a legislação sobre processos em andamento, manifestando-se apenas nos autos. "Será sempre respeitado o princípio da publicidade dos atos processuais, que é uma garantia fundamental de justiça", afirmou Bonat, ressalvando, "claro, as questões que demandem sigilo".
Bonat, atualmente, é titular da 21ª Vara Federal em Curitiba. Aos 64 anos de idade, veste a toga há 25. A antiguidade foi o critério para substituir Moro. O novo juiz da Lava Jato era o primeiro da lista, que tinha mais quatro candidatos. A posse do magistrado deve ocorrer depois do carnaval.
Especialista em Direito Público, Bonat tem experiência na área criminal. "Isso despertou meu interesse no assunto e foi fundamental na decisão de me candidatar a ocupar a vaga", disse. O substituto de Moro foi servidor da Justiça antes de se tornar juiz, em 1993, nos tempos em que não havia varas especializadas em lavagem de dinheiro, processos eletrônicos nem divisão de setores criminal e cível.
Interina. A cadeira de Moro vem sendo ocupada interinamente pela juíza Gabriela Hardt, que, na quarta-feira, condenou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no caso do sítio de Atibaia - a segunda condenação do petista na Lava Jato.
TAGS