Para exercer a cidadania, idosos vão às urnas mesmo sem obrigatoriedadeNotícias de Política 

PUBLICIDADE
Notícias


Para exercer a cidadania, idosos vão às urnas mesmo sem obrigatoriedade

No Ceará, 17,3% do total de votantes neste ano têm mais de 60 anos

19:52 | 07/10/2018
NULL
NULL
%u200B[FOTO2] A disputa eleitoral de 2018 mobilizou cerca de 147 milhões de pessoas %u200Bno País, inclusive o eleitorado idoso. No Ceará, os votantes com mais de 60 anos %u200Bforam cerca de 17,3% do total e 7,88% estão acima dos 70 anos%u200B.
 
Fatores como a não-obrigatoriedade, %u200Bas %u200Bdificuldades de locomoção e até a distância %u200Bentre as zonas eleitorais e %u200Bas %u200Bresidências, em alguns casos, são impedimentos comuns.%u200B %u200BM%u200Bas eleitores como Raimunda Zéli de Paula não deixaram de participar. Aos 97 anos, %u200Bfoi de Fortaleza até Beberibe%u200B, no Litoral Leste,%u200B para votar. Acompanhada dos filhos, Raimunda faz questão de participar em todas as eleições.
 
[FOTO1] "Pra ela é um prazer muito grande todo ano vir e votar”, diz Carlos Alberto, um dos filhos de Raimunda. “Se tiver segundo turno, ela faz questão de voltar, e isso vem de muitos anos, desde os 70 até hoje, aos 97”.
 
Raimundo Olegário Pinheiro%u200B tem %u200B102%u200B anos e votou acompanhado do bisneto no município de Redenção. Na %u200BC%u200Bapital, Francisco Faustino da Paixão, 74, e Luzia Cordeiro da Paixão, 70, votaram no bairro onde moram,%u200B o%u200B José Walter. O motivo do voto, segundo Francisco, foi a vontade de continuar exercendo a sua cidadania%u200B mesmo não sendo obrigatório votar%u200B na idade dele. 

Dados divulgados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) no mês de agosto mostram que 147,3 milhões de pessoas %u200Bestavam aptas para votar nas eleições de 2018.

Em comparação ao período eleitoral de 2014, houve um crescimento de 3,41% no
número de eleitores ativos no %u200BP%u200Baís. %u200BEntre estes, cerca de 19,4% %u200Btêm mais de 60 anos, grupo que cresceu 11,12% em relação ao levantamento realizado nas eleições de 2014.
 
Voto facultativo
O voto facultativo é direito concedido para jovens entre 16 e 17 anos e idosos acima de 70. Apesar da participação não ser obrigatória, esses eleitores são convocados pela Justiça Eleitoral para a revisão do eleitorado, sob risco de cancelamento do título. Para os idosos, a convocatória é uma forma de garantir se o grupo quer continuar exercendo o voto.
 
Redação O POVO Online
TAGS