PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

Alckmin, Meirelles e Haddad são candidatos com maiores arrecadações

Com R$ 46,4 milhões declarados, Alckmin tem maior arrecadação entre os candidatos; Henrique Meirelles concentra quase um terço do montante em arrecadações de recursos próprios

17:10 | 16/09/2018
NULL
NULL (Foto: )
[FOTO1]No primeiro mês de campanha eleitoral, os 13 candidatos à Presidência da República arrecadaram, juntos, R$ 150,8 milhões. Geraldo Alckmin (PSDB) informou ter recebido R$ 46,4 milhões e representa o maior volume declarado ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Na segunda posição aparece Henrique Meirelles (MDB), cujos R$ 45 milhões declarados (de recursos próprios) correspondem a quase um terço do montante registrado. Os valores correspondem à nova parcial da prestação de contas dos candidatos à Presidência da República, divulgado na tarde desse sábado, 15.
 
No levantamento, o terceiro maior valor registrado é o de Fernando Haddad (PT). O candidato petista movimentou R$ 20,6 milhões em receitas no primeiro mês de campanha. 97,1% deste valor veio do Fundo Eleitoral e R$ 598 mil foram arrecadados por meio de financiamento coletivo. Ciro Gomes (PDT), na quarta posição, recebeu R$ 16,1 milhões do Fundo Eleitoral. A chapa do Partido dos Trabalhadores apresenta maior arrecadação proveniente de "crowdfunding" (financiamento coletivo captado por meio da internet), enquanto Alckmin tem apenas 0,08% de todas as verbas arrecadadas provenientes de financiamento coletivo.
[SAIBAMAIS]
Confira abaixo arrecadação dos demais candidatos:
 
Marina Silva (Rede) - R$ 7,2 milhões em verbas. R$ 6,1 milhões vieram de doações do Fundo Eleitoral; R$ 260 mil foram de financiamento coletivo e o restante de 21 doadores Álvaro Dias (Podemos)- R$ 5,2 milhões arrecadados. 62,5% do valor veio do Fundo Eleitoral e 37,9% de doações diversas. A iniciativa de financiamento coletivo do candidato representou apenas 0,63% do total. 
 
Guilherme Boulos (Psol) -  declarou ter recebido R$ 5,99 milhões até o momento, sendo R$ 5,97 milhões provenientes do Fundo Eleitoral. O restante veio de financiamento coletivo. 
 
João Amoêdo (Novo) - levantou R$2,6 milhões 
 
José Maria Eymael (PSDC) - R$ 849 mil do Fundo Eleitoral. 
 
Jair Bolsonaro (PSL) - arrecadou R$ 688,7 mil. Desse total, R$ 334,75 mil foi proveniente do Fundo Eleitoral. R$ 332,8 mil foram obtidas por meio de financiamento coletivo.
 
Vera Lúcia (PSTU) - R$ 401 mil. Apenas R$ 1,8 mil por meio de financiamento coletivo.
 
João Goulart Filho (PPL) - dos R$ 231,8 mil declarados, R$ 230 mil vieram do Fundo Eleitoral e o restante de financiamento coletivo.
 
Redação O POVO Online com informações da Agência Brasil


TAGS