Marina e Alckmin trocam farpas em pergunta sobre corrupção em debateNotícias de Política 

PUBLICIDADE
Notícias


Marina e Alckmin trocam farpas em pergunta sobre corrupção em debate

Os presidenciáveis participaram do debate da TV Gazeta, neste domingo, 9

11:01 | 10/09/2018
NULL
NULL
[FOTO1] Durante o debate deste domingo, 9 , na TV Gazeta, os presidenciáveis Marina Silva (Rede)  e Geraldo Alckmin (PSBD) trocaram farpas após questionamento sobre casos de corrupção envolvendo o PT e os tucanos. 
 
[SAIBAMAIS] Ao ser perguntado sobre como pretendia se diferenciar dos petistas, visto que nomes do PSDB também são denunciados por corrupção, como o caso do senador Aécio Neves, o candidato respondeu: “Aécio Neves não foi julgado e nós não passamos a mão na cabeça de ninguém, a lei é para todo mundo”.
 
Na réplica, Marina Silva disse que PT e PSDB são “faces da mesma moeda”. “O que diferencia o senador Aécio dos demais que foram denunciados é o foro privilegiado”.
 
O tucano rebateu dizendo que a parlamentar passou 20 anos no PT, inclusive, estava na sigla durante o escândalo do mensalão, entre 2005 e 2006. “Você saiu do partido apenas em 2008. Nós sempre tivemos do outro lado, onde PT está, nós estamos contra”, completou.
 
Quando questionado sobre a denúncia ajuizada pelo Ministério Público de São Paulo por supostos repasses da Odebrecht para a campanha de 2014, o candidato disse que o Superior Tribunal de Justiça (STJ) já comprovou que não há caso de improbidade administrativa.  “Estranho que isso ocorra a menos de 30 dias das eleições, eu não tenho só ficha limpa, eu tenho vida limpa”.
 
Redação O POVO Online
TAGS