PUBLICIDADE
Política
NOTÍCIA

Ciro se irrita com pergunta, empurra repórter, xinga e o manda "pra casa do Romero Jucá"

Assessoria do candidato à Presidência da República afirmou que o homem que participava da entrevista coletiva não era jornalista e que estava lá apenas para xingar Ciro. O homem trabalha na campanha de candidato do DEM

16:00 | 16/09/2018
NULL
NULL (Foto: )
[FOTO1]Cumprindo agenda de campanha à Presidência da República em Boa Vista, capital de Roraima, Ciro Gomes (PDT) se irritou com pergunta feita em entrevista coletiva. Ele empurrou o homem que fez a pergunta, mandou ele ir "pra casa do Romero Jucá", xingou-o e ainda disse para prenderem o homem. Momento foi registrado em vídeo que circula nas redes sociais. 
 
O profissional questionou o pedetista sobre declaração a respeito de brasileiros que agrediram venezuelanos no município de Pacaraima, no Estado.
 
"O senhor reafirma o que o senhor disse sobre os brasileiros de que tiveram aquela manifestação lá na fronteira, que chamou os brasileiros de canalhas, desumanos e grosseiros?", perguntou o jornalista. Ciro então respondeu: "Vai pra casa do Romero Jucá, seu filho da p..., pode tirar esse daqui, esse aqui é do Romero Jucá, tira ele, prende ele aí", retruca o candidato, em menção ao senador de Roraima e atual presidente do MDB nacional. 
 
[VIDEO1]
 
Em contato com a reportagem, a assessoria de Ciro Gomes afirmou que "o homem foi uma pessoa colocada lá pelo Romero Jucá só para xingar" Ciro e disse que oo homem não é jornalista. Romero Jucá (MDB) é senador por Roraima. Até o mês passado, foi líder do governo Micel Temer (MDB) no Senado.
 
Análise: Ciro Gomes pode perder eleição pela boca? Confira o podcast Jogo Político: 


[VIDEO3] 
O homem, identificado como Luiz Nicolas Maciel Petri publicou vídeo em seu Facebook pessoal na noite desse sábado, 15 afirmando que foi agredido em um "ato de covardia" e negando trabalhar para o senador Romero Jucá. Ele trabalha em campanha do candidato a senador por Roraima Chico Rodrigues (DEM) e apresenta programa de televisão veiculado pela TV Tropical, afiliada do SBT.
 
[VIDEO2] 
 

"Daí em um ato de covardia, o Senhor Ciro Gomes me deu um soco na barriga e me xingou de filho da put... fiquei sem reação porquê (sic) não sou de violência. Apenas fiz uma pergunta", escreveu. Até o início da tarde do domingo, o vídeo tinha sido reproduzido 294 mil vezes.

 

[SAIBAMAIS]Na ocasião citada, Ciro comentou que a Colômbia recebeu mais de 500 mil venezuelanos e não teve casos de violência. "Não há nenhuma notícia de desumanidade, de grosseria, de canalhice, que é o que aconteceu no Brasil", afirmou, à época.

 

Mais tarde, do palanque, Ciro chamou o senador Romero Jucá de "gângster". "Eu venho para mediar esses conflitos e ver se ajudo a arrancar daqui um das piores figuras da política brasileira que é esse canalha que lidera todos os governos e que agora, como bandido que é, fala mal de Michel Temer para aparecer enganando o povo de Roraima", disse. 
 
Redação O POVO Online com Agência Estado
TAGS