PUBLICIDADE
Notícias

Comitê incentiva envio de cartas para Lula

Manifesto divulgado nas redes sociais diz que procuradores da Operação Lava Jato serão "carteiros do povo brasileiro"

11:50 | 11/04/2018
NULL
NULL
[FOTO1]O Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia, instituído por lideranças do Partido dos Trabalhadores (PT) após a ordem de prisão do juiz Sergio Moro, incentiva apoiadores do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a mandarem cartas para o político enquanto ele está preso. Em comunicado divulgado pelo PT nas redes sociais, afirma-se que procuradores da Operação Lava Jato serão “carteiros do povo brasileiro”.
 
“O juiz Sergio Moro, os procuradores da Operação Lava-Jato e os policiais federais de Curitiba pensaram que seriam os carcereiros de Lula, mas na verdade vão ser os carteiros do povo brasileiro para o maior símbolo da luta popular que já existiu no Brasil”, diz o manifesto. A nota ainda inclui o endereço para qual as cartas podem ser enviadas, na rua Profa. Sandália Monzon, 210 – Santa Cândida, Curitiba/PR.
 
Por meio das redes sociais, a ex-presidente Dilma Rousseff ressaltou o incentivo. “Mande uma carta para o Lula”, escreveu. Lula cumpre pena pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso do triplex do Guarujá (SP). Ele se encontra na sede da Superintendência da Polícia Federal do Paraná, em Curitiba, base da Operação Lava Jato, desde o último sábado, 7.
 
Redação O POVO Online 
TAGS
Comitê incentiva envio de cartas para LulaNotícias de Política
PUBLICIDADE
Notícias

Comitê incentiva envio de cartas para Lula

Manifesto divulgado nas redes sociais diz que procuradores da Operação Lava Jato serão "carteiros do povo brasileiro"

11:50 | 11/04/2018
NULL
NULL
[FOTO1]O Comitê Popular em Defesa de Lula e da Democracia, instituído por lideranças do Partido dos Trabalhadores (PT) após a ordem de prisão do juiz Sergio Moro, incentiva apoiadores do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a mandarem cartas para o político enquanto ele está preso. Em comunicado divulgado pelo PT nas redes sociais, afirma-se que procuradores da Operação Lava Jato serão “carteiros do povo brasileiro”.
 
“O juiz Sergio Moro, os procuradores da Operação Lava-Jato e os policiais federais de Curitiba pensaram que seriam os carcereiros de Lula, mas na verdade vão ser os carteiros do povo brasileiro para o maior símbolo da luta popular que já existiu no Brasil”, diz o manifesto. A nota ainda inclui o endereço para qual as cartas podem ser enviadas, na rua Profa. Sandália Monzon, 210 – Santa Cândida, Curitiba/PR.
 
Por meio das redes sociais, a ex-presidente Dilma Rousseff ressaltou o incentivo. “Mande uma carta para o Lula”, escreveu. Lula cumpre pena pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso do triplex do Guarujá (SP). Ele se encontra na sede da Superintendência da Polícia Federal do Paraná, em Curitiba, base da Operação Lava Jato, desde o último sábado, 7.
 
Redação O POVO Online 
TAGS