PUBLICIDADE
Notícias

Uso de celulares com finalidade pedagógica é liberado por Alckmin

Idealizada pela Secretaria de Estado da Educação em agosto do ano passado, a proposta foi aprovada pela Assembleia Legislativa em outubro deste ano

14:33 | 07/11/2017
NULL
NULL

[FOTO1]

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), sancionou nessa segunda-feira, 6, uma lei que permite uso de celulares nas salas de aula das escolas estaduais. A medida, no entanto, só é válida para fins pedagógicos. A medida muda a legislação de 2007 que proibia o uso do aparelho nos colégios em qualquer ocasião. A informação é da Folha de S. Paulo.

Idealizada pela Secretaria de Estado da Educação em agosto do ano passado, a proposta foi aprovada pela Assembleia Legislativa em outubro deste ano. O secretário da pasta, José Renato Nalini, disse que a medida é importante, já que vai ajudar a formar a geração que está nas escolas para o futuro.

Além disso, o secretário ainda comenta que a novidade dará acesso a várias bibliotecas e obras literárias que estão no ambiente online. O professor, pensa Nalini, poderá controlar e definir em que circunstâncias o celular será utilizado na classe. 

Conforme Nalini, o acesso à banda larga em todas as escolas estaduais será garantido pelas companhias de telefonia. Desde 2006, uma lei obrigava concessionárias a ofertarem a internet mais veloz que é oferecida comercialmente na região onde estas empresas estão instaladas.

O secretário diz que os sistemas wi-fi e banda larga deverão ser oferecidos a 500 novas unidades por mês a partir de janeiro de 2108. As unidades que participam do Escola da Família também poderão usar a conexão.

 

Redação O POVO Online

TAGS