PUBLICIDADE
Notícias

Renato Roseno pede suspeição das licenças ambientais emitidas pela Semace

14:46 | 21/11/2017

Com a divulgação da investigação do Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) de corrupção entre servidores da Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace), Renato Roseno pediu a suspeição das licenças ambientais emitidas neste período. O deputado estadual apresentou o requerimento ao Ministério Público Eleitoral (MPE) na manhã desta terça-feira, 21, na Assembleia Legislativa do Ceará.

A operação deflagrada nesta manhã pelo Grupo de Combate às Organizações Criminosas (GAECO), com o apoio do Núcleo de Investigações Criminais (NUINC) do MPCE e Polícia Civil, resultou na prisão de quatro servidores. Além disso, o superintendente José Ricardo Araújo Lima, e a articuladora Inês Furtado Sampaio, foram afastados das suas funções.

"A Operação de hoje (...) não é episódica, nesses anos todos a Semace deveria ter mudado profundamente. Baste agora às portas, à mesa do governador Camilo, a necessidade imperiosa de uma alteração profunda da Semace. Aumentar os controles sociais, ampliar os seus processos correcionais, dotá-la de mais transparência, de um diálogo mais transparente com a sociedade, com os proponentes de projetos, com os ambientalistas", citou durante sua fala.

Redação O POVO Online

TAGS