PUBLICIDADE
Notícias

Secretário diz que teve perfil clonado em rede social

Éderson Castro afirmou que vai registrar boletim de ocorrência

21:15 | 25/09/2017
O secretário de Atividades Econômicas do município de Limoeiro do Norte, Éderson Castro, afirmou em publicação no Facebook que teve seu perfil clonado. A postagem, com data desse domingo, 24, diz que a ação foi realizada por alguém "de extrema ma fé" e "inveja". Ao O POVO Online, Castro, que também é advogado, afirmou que vai registrar Boletim de Ocorrência (B.O).
 

"Socorro-me mais uma vez ao Facebook para informar que o meu perfil foi clonado. Alguém, munido de extrema ma fé, ou simplesmente impulsionado do meis desprezível de todos os pecados: a inveja, publicou mais uma vez nota inverdadeira", escreveu na rede social.
 
"Eu não emito nota em nome de gestão, tampouco em nome de terceiros", continuou na publicação. "Se os senhores lerem algo nesse sentido, não fui eu, mas sim o perfil que me clonou".
 
 

Conforme o secretário, não é a primeira vez que algo semelhante acontece. "Alguém está fazendo isso semanalmente, mas achei que já estava resolvido. Já fizeram nota em meu nome e não tinha sido eu que havia escrito", disse. "Eu não consegui identificar o perfil que me clonou porque estou bloqueado por ele. Não consigo denunciar no Facebook. Agora vou ter que procurar a Polícia". 
 
Redação O POVO Online
TAGS