PUBLICIDADE
Notícias

Aécio cita Alexandre de Moraes em tentativa de obstruir Lava Jato

Em gravação, o senador tucano detalha ao sócio da JBS, Joesley Batista, como queria firmar um acordo para influenciar as investigações da Lava Jato, com o apoio de Temer e Moraes

16:20 | 19/05/2017
NULL
NULL

[FOTO1] O atual ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, é citado por Aécio Neves em tentativa de acordo para obstruir as investigações da Operação Lava Jato. Na gravação, o senador detalha ao sócio da JBS, Joesley Batista, como queria fazê-lo, com o apoio de Temer e Moraes.

 

 

[SAIBAMAIS] O diálogo áspero, cita ainda, Moreira Franco, segundo Janot. "O que vai acontecer agora, vai vir inquérito sobre uma porrada de gente, ca**, eles aqui são tão bunda mole, que eles não notaram o cara que vai distribuir os inquéritos para os delegados", disse Aécio a Joesley.

 

 

O senador completa: "Você tem lá, sei lá, tem dois mil delegados na Polícia Federal, aí tem que escolher dez caras. O do Moreira [Franco, segundo supõe Janot], o que interessa a ele, sei lá, vai pro João, o do Aécio vai pro Zé. O outro filho da puta vai pro, foda-se, vai para o Marculino, nem isso conseguiram terminar, eu, o Alexandre [de Moraes] e o Michel [Temer]”.

 

A conversa veio à tona com a abertura do inquérito contra o presidente Temer apresentado pelo procurador Rodrigo Janot.

 

 

Redação O POVO Online

TAGS