PUBLICIDADE
Notícias

Temer paga para youtubers falarem bem de reforma do ensino medio

Apuração da Folha de São Paulo mostra que pelo menos dois canais do YouTube foram pagos para elogiar medida. Outros dois recusaram proposta

10:54 | 17/02/2017

Pelo menos dois canais do YouTube receberam dinheiro do governo de Michel Temer (PMDB) para falar bem da reforma do ensino médio. "Você sabia", com mais de 7,1 milhões de assinantes e "Pyong Lee", com mais de 3,3 milhões.


O primeiro canal, comandado pelos youtubers Lukas Marques e Daniel Molo, recebeu R$ 65 mil, segundo a Folha de São Paulo.

 

No primeiro canal, "youtubers" dizem que acharam "o tema bastante interessante" e que, por causa da discussão sobre ele nas redes, decidiram explicar "direitinho". Assista aos vídeos:
[VIDEO1] [VIDEO2]

 

O valor pago pelo segundo vídeo não foi confirmado pelo Ministério da Educação (MEC). Os dois canais são associados à produtora Digital Stars.


De acordo com o MEC, canais de "influenciadores digitais" complementam a comunicação instituicional do Governo Federal. A pasta destacou, ainda, que o pagamento foi feito de forma legal.

Redação O POVO Online

TAGS