PUBLICIDADE
Notícias

Sérgio Moro manda soltar Mônica Moura, mulher de João Santana

A mesma decisão pode ser estendida para Santana. Ela não usará tornozeleira eletrônica

14:09 | 01/08/2016

O juiz responsável pela Operação Lava Jato em Curitiba, Sérgio Moro, determinou a soltura da publicitária Mônica Moura, mulher do ex-marqueteiro do PT João Santana.  Eles estão presos desde 23 de fevereiro. A mesma decisão pode ser estendida para ele. 


A decisão de Moro teve como base a petição de soltura formalizada na semana passada pelo advogado criminalista Fabio Tofic, que responde pela coordenação das ações envolvendo os dois marqueteiros. Tofic explicou que a decisão não está relacionada com a delação premiada dos dois, mas com o entendimento de que não haveria mais razões para estender a prisão preventiva. 


Ainda segundo oadvogado, a decisão inicial atende Mônica Moura, mas no final do despacho o juiz também prevê o mesmo para João Santana. No caso de Santana, contudo, a defesa ainda precisa ingressar com novo pedido. Conforme o “Antagonista”, para o publicitário a multa estabelecida é de R$ 2,75 milhões.

Moro estabeleceu multa de R$ 28 milhões para Mônica, recolheu o passaporte dela e a impediu de ter contato com outros investigados. Ela não usará tornozeleira eletrônica.

 

Redação O POVO Online

TAGS