PUBLICIDADE
Notícias

OAS cita José Serra em acordo para delação premiada com a Lava Jato

Segundo a Folha de S. Paulo, o tucano integra lista de quase cem políticos que podem ser implicados pela delação da OAS

10:43 | 14/06/2016
NULL
NULL
Em negociações prévias para firmar acordo de delação premiada na Operação Lava Jato, a empreiteira OAS citou o senador e ministro das Relações Internacionais, José Serra (PSDB-SP). A informação é da coluna da jornalista Mônica Bergamo, publicada na Folha de S. Paulo desta terça-feira, 14.

Segundo a coluna, o tucano integra lista de quase cem políticos que podem ser implicados pela delação da OAS. A empreiteira promete dar detalhes de contribuições suas para campanhas de políticos nos últimos anos.

[SAIBAMAIS 2]Serra já havia aparecido, em março, na chamada "lista da Odebrecht", relação com mais de 200 políticos apreendida pela Polícia Federal na casa de um executivo da empreiteira.

O jornal afirma ter procurado Serra, mas diz que a assessoria do ministro não teria conseguido encontrá-lo até a noite da terça. Em relação a Odebrecht, o presidente do PSDB, Aécio Neves (MG), já havia dito que doações da empreiteira foram legais e que é preciso separar "o joio do trigo".

Redação O POVO Online
TAGS