PUBLICIDADE
Notícias

Eduardo Cunha recusa notificação de afastamento

O peemedebista não estaria aceitando assinar o documento

08:59 | 05/05/2016

Na manhã desta quinta-feira, 5, o ministro Teori Zavascki, relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), determinou o afastamento de Eduardo Cunha (PMDB-RJ) do mandato de deputado federal. Oficiais de Jusiça foram até a residência oficial do parlamentar e Cunha chegou a se recusar a assinar a notificação. Mas por volta das 8h30min, ele acabou por receber a medida.

[SAIBAMAIS2]A decisão do ministro, em caráter liminar, aconteceu horas antes de o STF iniciar a sessão de julgamento em que vai apreciar seu afastamento da presidência da Câmara e da linha sucessória da Presidência da República.

Cunha virou réu no STF pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro sob acusação de integrar o esquema de corrupção da Petrobas.

Redação O POVO Online

TAGS