PUBLICIDADE
Notícias

Manifestação contra o governo Dilma em Fortaleza; veja fotos, vídeos e análises

A Secretaria de Segurança divulgou que o número de manifestantes em Fortaleza foi entre 35 mil e 40 mil pessoas. Já a organização do evento estimou em 150 mil

15:04 | 13/03/2016
NULL
NULL

Atualizada às 21h

>> Confira galeria de imagens da manifestação

Manifestantes contrários ao governo da presidente Dilma Rousseff (PT) se concentraram na Praia de Iracema, em Fortaleza, para pedir a saída do PT do poder. Inicialmente, a organização falou em torno de 50 mil pessoas e depois divulgou que seria cerca de 150 mil. A Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) afirmou que o número de manifestantes foi entre 35 e 40 mil.

Análise do jornalista Guálter George:

[VIDEO7] 

[VIDEO6] 

A pasta também não divulgou a quantidade de pessoas que participaram da carreata a favor do governo pela manhã. Ainda de acordo com a Secretaria, um efetivo de 180 policiais militares trabalham na segurança do movimento.

[VIDEO5] 

[SAIBAMAIS 3]

Semelhante às outras mobilizações, o público contrário ao governo se veste de verde e amarelo e ergue cartazes com "Fora Dilma", "Fora PT" e "Vai Moro". Dois trios elétricos são usados pelos manifestantes para discursar sobre corrupção e pedir a saída do PT do poder.

Veja análise do jornalista Henrique Araújo sobre as manifestações:

[VIDEO4]

[FOTO9]

[FOTO10]

[FOTO11]

19h15

Manifestantes se dispersam. Foram quase quatro horas de protesto na Capital cearense.

19h

[VIDEO3]

18h45

Alguns manifestantes aguardam o restante do público no jardim japonês. A expectativa é que a mobilização seja dispersada no local nos próximos minutos.

[FOTO8]

18h30

Os manifestantes seguem nesse momento para o jardim japonês. Há um grupo grande se encaminhando para o local. Eles carregam uma faixa com cerca de 100 metros nas cores verde e amarela.

[VIDEO2]

18h

[VIDEO1]

17h45

O trio começa a se deslocar para o jardim japonês. Lá, o movimento se encontrará com um grupo de motoqueiros. De acordo com a organização, o movimento inicia a dispersão após a chegada no jardim. 

17h40

Houve um princípio de tumulto em frente ao trio principal. A Polícia Militar foi chamada após suposto furto. Dois homens foram acusados de ter furtado celular. Os suspeitos foram detidos e levados para a delegacia.

[FOTO7]

17h15

Participam da manifestação contra o Governo Dilma, em Fortaleza, 500 motoqueiros de diversos motoclubes do País e independentes. Essa é a primeira vez que o protesto na Capital cearense conta com a participação dos motoqueiros. 

[FOTO6]

16h45

Manifestantes cantaram diversas vezes o hino nacional. O grupo denominado consciência patriótica, fez arranjo final em formato de coral.

[FOTO5]

16h20

Parlamentares locais de oposição ao governo estão na manifestação, como o senador Tasso Jereissati (PSDB) e os deputados federais Danilo Forte (PSB) e Raimundo Gomes de Matos (PSDB). Um manifestante passou mal e foi atendido por uma ambulância.  Há um ponto de arrecadação de alimentos e material de higiene pessoal para doação ao Lar Torres de Melo.

16h

Manifestação em Fortaleza gera bloqueios da avenida Historiador Raimundo Girão, entre a avenida Rui Barbosa e a rua Carlos Vasconcelos, e também da avenida Beira Mar, nos trechos entre a avenida Rui Barbosa e a rua Professor Dias da Rocha.

[FOTO4]

15h40

Manifestantes erguem um boneco gigante em referência à presidente Dilma Rousseff.

[FOTO2]

15h30

Camisas do deputado federal Jair Bolsonaro (PSC) são vendidas no local.

[FOTO3]

15h15

No local, o público grita "Lula, caia fora" e "Vem pra rua. A rua é a maior arquibancada do Brasil". Palavras de ordem contra o governo, apoio ao juiz Sérgio Moro e pedidos de impeachment da presidente Dilma marcam o início da manifestação.
 
O evento ocorre após finalizada uma carreata a favor do governo da presidente Dilma Rousseff (PT) realizada na manhã deste domingo com mobilização no bairro da Parangaba.
 
Mais informações em instantes.
 
Redação O POVO Online
com informações dos repórteres Érico Firmo, Isabel Filgueiras e Jéssica Welma
 
TAGS