PUBLICIDADE
Notícias

Câmara de Fortaleza votará moção de apoio a Lula por condução coercitiva

O documento possui mais de 20 assinaturas e chegou a entrar em pauta na sessão desta quinta-feira, 10

14:04 | 10/03/2016
NULL
NULL
A Câmara Municipal de Fortaleza votará na próxima terça-feira, 15, moção de apoio ao ex-presidente Lula (PT) contra sua condução coercitiva para depoimento à Operação Lava Jato. O documento, "em repúdio aos constrangimentos sofridos por Lula e sua família”, possui mais de 20 assinaturas e chegou a entrar em pauta na sessão desta quinta-feira, 10.

Segundo texto, proposto por Ronivaldo Maia (PT), condução do presidente no último dia 4 de março foi "arbitrária e ilegal". "Vimos um espetáculo midiático lamentável. Este dia ficará marcado como 'o dia em que um ex-presidente foi ilegal e inconstitucionalmente preso por algumas horas'", diz Ronivaldo.

[SAIBAMAIS 3]A proposta, que chegou a ser colocada para votação nesta quinta, acabou não sendo votada por falta do número mínimo de vereadores presentes na sessão. O assunto voltará ao plenário na próxima terça. Caso aprovada, a moção será encaminhada à sede do Instituto Lula, em São Paulo.

No texto em votação, Ronivaldo destaca ainda que Lula não havia recebido intimação prévia antes do uso da condução. "A condução coercitiva, feita fora da lei, é uma prisão por algumas horas. E prisão por um segundo já é prisão”, diz.

Redação O POVO Online
TAGS