PUBLICIDADE
Notícias

Luizianne critica relação do Planalto com petistas e ataca ajuste fiscal

Única petista do Ceará a não votar a favor do ajuste, ela diz que ação foi inadequada em "tempo e método". Ela ainda fez críticas a Cunha e gestão RC

11:29 | 20/07/2015

Ex-prefeita de Fortaleza, a deputada federal Luizianne Lins (PT) fez duras críticas ao ajuste fiscal promovido por Dilma Rousseff (PT). Segundo Luizianne, a única petista do Ceará a votar contra o projeto do governo, condução do ajuste foi “inadequada em momento e método”. A ex-prefeita participa do programa Debates do O POVO na Rádio O POVO/CBN 95.5mhz.

"Não achei adequada a relação do governo nem com a base aliada nem muito menos com o PT. Sou de construção coletiva, acho que as coisas só funcionam se discutidas, ninguém faz nada só", disse a deputada.

Ela destaca ainda que, em oito anos de gestão, nunca deixou de "dialogar  com a bancada do PT". "Ainda sou crítica a essa questão de aumento de tempo para o seguro desemprego. Isso atrapalha diretamente a juventude, que é quem tem mais rotatividade de trabalho. Não senti preparada para votar aquele tipo de coisa", diz.

Eduardo Cunha

Luizianne Lins também fez duras críticas a condução da Câmara dos Deputados por seu presidente, Eduardo Cunha (PMDB-RJ). "Tem até uma brincadeira, sabe aquele menino que era o dono da bola, aí ameaça ir embora com ela se não for do jeito que ele quer? Esse menino cresceu e é o Eduardo Cunha", diz.

Se dizendo "surpresa" com a condução dos trabalhos da Casa, ela afirma ainda que País tem cenário "muito preocupante" pela frente. "Tem pessoas lá que tem é medo dele", diz.

Roberto Cláudio

A ex-prefeita também reforçou tese de candidatura própria do PT à Prefeitura de Fortaleza em 2016. “Reunimos o diretório do PT há três meses, e tiramos um documento que faz avaliação muito crítica da atual administração”, diz. Entre muitas críticas à gestão Roberto Cláudio (Pros), Luizianne destaca que o Centro da cidade está “parecendo uma guerra civil”. 

Redação O POVO Online
TAGS