PUBLICIDADE
Notícias

Era digital exige mentalidade nova na mídia, diz executivo na Conferência SIP

09:25 | 25/06/2015
O maior desafio para a sobrevivência dos meios de comunicação na era digital "é a mudança de mentalidade", advertiu nesta quarta-feira, 24, o presidente da Fundação Knight, Alberto Ibarguen, na abertura da Conferência SIP Connect 2015, em Miami (EUA).

Diante de uma plateia de cerca de 200 pessoas, Ibarguen definiu a razão de ser do encontro: "O desafio é criar uma nova forma de pensar" e formas de engajamento "que tornem as audiências participantes não só do conteúdo mas da própria produção da informação".

No evento, organizado pela Sociedade Interamericana de Imprensa (SIP) e que se estende até a tarde de sexta-feira, 26, jornalistas e executivos de comunicação do continente debaterão a busca de novas audiências e novas fontes de renda para o negócio.

Ibarguen citou o Google e o Facebook como as empresas mais bem sucedidas da internet e as chamou de "generosas" pelos serviços e pelo poder que concedem aos seus usuários - que, em retorno, os procuram em alta escala.

Depois dele, o diretor executivo da SIP, Ricardo Trotti, disse que considera crucial e inevitável apressar as mudanças "para nos assegurarmos de que a liberdade de informação continuará a ser defendida em novos ambientes midiáticos".

Matthew Sanders, jornalista do Deseret Digital Media, de Salt Lake City (EUA), disse em outra palestra que "negócios saudáveis são decisivos para se fazer um bom jornalismo". E fez uma crítica ao desconhecimento e mau aproveitamento do potencial dos celulares. "Se fala muito deles, mas poucos sabem o que são e o que de fato podem fazer", disse.

Na programação de hoje, destacam-se os debates e palestras sobre a integração entre celulares e aplicativos e como inovar nas relações entre a mídia e as redes sociais.

TAGS