PUBLICIDADE
Notícias

Pezão diz que anunciará medidas para se adaptar ao momento econômico

18:50 | 30/12/2014
O governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, afirmou nesta terça-feira, 30, que já no dia 1º de janeiro irá anunciar uma série de medidas para o governo se adaptar ao momento que a economia do Rio de Janeiro vive. "Houve uma queda forte das receitas com royalties de petróleo. A atividade da Petrobras com fornecedores impactou nossas receitas", desabafou o governador, após reunião no ministério da Justiça com o ministro José Eduardo Cardozo, para tratar da prorrogação do prazo de permanência do Exército no Complexo da Maré.

Segundo Pezão, as grandes obras para a Olimpíada de 2016 já estão contratadas e com recursos na conta. Mas é preciso haver uma adequação ao novo momento econômico, principalmente após a queda do preço do barril do petróleo no mercado internacional. "A gente trabalhava com o preço do barril de petróleo a US$ 115,00 e já está em US$ 65,00, US$ 68,00, com tendência de queda. O Rio de Janeiro e o Espírito Santo são os Estados que mais sofrem. Mas é dever de todos nós nos adaptarmos", disse.

TAGS