PUBLICIDADE
Notícias

PSD estará com Dilma para êxito do governo, diz Kassab

11:40 | 05/11/2014
Em solenidade no salão leste do Palácio do Planalto, o presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab, disse nesta quarta-feira, 5, que a sigla vai contribuir para o êxito do segundo mandato da presidente Dilma Rousseff. Kassab é cotado para assumir o Ministério das Cidades.

"O PSD é um partido de centro, que desde a fundação tem suas diretrizes, que luta e busca parceiros", disse Kassab. "Procuramos ser construtores de pontes e artífices da convergência. Somos aliados e batalharemos juntos pelo Brasil."

Dirigindo-se à presidente Dilma Rousseff, que acompanha a cerimônia, Kassab afirmou: "O partido estará ao seu lado para contribuir com êxito do seu governo."

Kassab, que foi derrotado na disputa por uma cadeira no Senado em São Paulo nas últimas eleições, criticou a "onda de intolerância" que atinge a sociedade brasileira, com o acirramento dos ânimos.

"A exaltação do ódio e a tentativa de reviver a luta de classes são preocupantes. Essa beligerância que remete à retórica eleitoreira ultrapassada revela sinais preocupantes", comentou o presidente nacional do PSD. "Essa guerra civil verbal atenta contra a principal característica sociocultural brasileira: a integração dos diferentes. O PSD rechaça esse conflito."

Persistência

Logo depois de Kassab, foi a vez de o ministro da Secretaria da Micro e Pequena Empresa, Guilherme Afif Domingos, fazer um breve discurso e destacar que a reeleição de Dilma deveu-se "à sua coragem e persistência de assumir temas tão importantes para a nossa população". "Conte conosco, presidente, com muita satisfação e entusiasmo. Que a senhora tenha uma grande gestão", disse Afif.

Os ministros da Casa Civil, Aloizio Mercadante, e da Secretaria de Relações Institucionais, Ricardo Berzoini, acompanham a cerimônia no Palácio do Planalto. Dilma deverá ser a última autoridade a falar.

TAGS