PUBLICIDADE
Notícias

Petição à Casa Branca pede reação contra "expansão comunista" de Dilma

Segundo o apelo, que já tem mais de 105 mil assinaturas, a presidente pretende estabelecer um "regime comunista no Brasil"

18:00 | 03/11/2014
NULL
NULL
Uma petição online endereçada à Casa Branca foi iniciada nos últimos dias e pede posicionamento da administração Barack Obama sobre a "expansão comunista bolivariana" promovida por Dilma Rousseff (PT) no Brasil. Segundo o apelo, que já tem mais de 105 mil assinaturas, a presidente pretende estabelecer um "regime comunista no Brasil".

"Nós sabemos que, aos olhos da comunidade internacional, a eleição pareceu totalmente democrática, mas as urnas utilizadas não são confiáveis, além do fato de que a maioria dos chefes do Judiciário são membros do partido vencedor”, diz texto assinado por F.P., criador da petição.

A proposta foi publicada no site “We the People”, sistema do governo Obama que permite que internautas enviem demandas à Casa Branca. Caso atinja mais de 150 mil assinaturas, a petição terá resposta do órgão.

“Nós pedimos uma posição da Casa Branca com relação à expansão comunista na América Latina. O Brasil não quer e não será uma nova Venezuela. Os EUA precisam ajudar os promotores da democracia e liberdade no Brasil”, completa o pedido. A petição foi apresentada em 28 de outubro – dois dias após vitória de Dilma nas urnas.

Redação O POVO Online
TAGS