PUBLICIDADE
Notícias

Justiça afasta prefeito de Madalena e todos os secretários

Os 27 afastados são investigados por fraudes em licitação que totalizam quase R$ 7 milhões. Vice-prefeito deve tomar posse

13:54 | 25/11/2014

O Ministério Público do Ceará (MP-CE) conseguiu o afastamento por 180 dias do prefeito de Madalena Zarlul Kalil Filho e de mais 27 ocupantes de cargos públicos no município, incluídos todos os secretários municipais. Entre eles, estão a Primeira-Dama Sandra Kalil e a ex-prefeita Antônia Lobo Pinho Lima. O vice-prefeito Eurivando Vieira deve tomar posse em sessão extraordinária da Câmara municipal.

As prisões fazem parte da operação “Caixa Preta”. De acordo com o MP-CE, os afastados são personagens de investigação por improbidade administrativa. Os procuradores analisam possíveis fraudes em licitações do município entre os anos de 2013 e 2014, cujos contratos somam quase R$ 7 milhões. Também estão sendo executados 21 mandados de busca e apreensão, bem como o bloqueio dos ativos financeiros, a indisponibilidade dos bens de todos os réus e a quebra dos sigilos bancário e fiscal.

O POVO
não conseguiu entrar em contato com a Prefeitura de Madalena para comentar a operação.

 

Redação O POVO Online, com informações da assessoria do MP-CE

TAGS