PUBLICIDADE
Notícias

No Recife, Armando Monteiro cumpre agenda extensa

16:10 | 05/10/2014
O candidato ao governo do Estado pela coligação Pernambuco Vai Mais Longe, Armando Monteiro (PTB), que aparece em segundo lugar nas últimas pesquisas de intenção de voto, cumpriu uma agenda extensa neste domingo (5), ao lado da mulher Mônica Guimarães, além de correligionários e assessores. Antes de votar, participou de uma missa na igreja de Nossa Senhora da Conceição, no bairro de Casa Amarela, na zona norte do Recife. De lá, seguiu para um café da manhã em sua residência, no bairro do Pina, zona sul recifense, de onde seguiu para votar em uma escola municipal da mesma região.

Apesar de ter o direito a ter atendimento prioritário, como postulante, o petebista optou por encara a fila, onde mais de 60 pessoas aguardavam para votar. No entanto, 20 minutos depois, às 10h38, acabou cedendo ao pedido da presidente da seção para votar antes dos demais. Monteiro levou menos de um minuto para concluir seu voto. Durante os cerca de 30 minutos em que esteve no local, Monteiro atendeu a diversos pedidos de 'selfies', além de abraços, apertos de mão e alguns beijos.

Mesmo diante dos números divulgados pelas últimas pesquisas eleitorais, que apontam uma confortável vantagem de seu adversário na disputa, Paulo Câmara (PSB) - 61% (Datafolha) e 57% (Ibope), contra 41% (Ibope) e 37% (Datafolha) - Monteiro mostrou-se confiante. "As pesquisas no Brasil precisam ser tratadas de uma maneira diferente. Os legisladores terão que ver esta questão. Não é possível conviver com tanta discrepância. Isso não ajuda o processo democrático. Porque há muitas distorções e isso acaba confundindo os eleitores. Mas estamos confiantes e seguiremos a programação normal que já havíamos traçado", destacou.

Na sequência, o petebista acompanhou as votações da mulher; do candidato à vice em sua chapa, o deputado federal Paulo Rubem Santiago (PDT); do senador e coordenador da campanha da presidente Dilma Rousseff (PT) à reeleição, em Pernambuco, Humberto Costa (PT) e do candidato ao Senado, o também deputado federal João Paulo (PT).

Um pequeno tumulto se formou durante a agenda de votação de Paulo Rubem, no bairro de Boa Viagem, na zona sul. O motorista do veículo que transportava a chapa majoritária provocou a irritação de alguns eleitores ao estacioná-lo em uma vaga reservada para deficientes e idosos. Houve bate-boca e o tumulto só cessou a após a intervenção de policiais federais e da retirada do veiculo da vaga reservada.

O petebista vai acompanhar a apuração dos votos de sua casa, na companhia de assessores, familiares e correligionários.

TAGS