PUBLICIDADE
Notícias

França diz que PSB deve apoiar Aécio Neves

23:20 | 05/10/2014
O vice-governador eleito de São Paulo e presidente estadual do PSB, Marcio França, afirmou na noite deste domingo que seu partido deverá apoiar o candidato do PSDB à Presidência da República, Aécio Neves. "O que depender da gente (PSB-SP) , a posição será pró-Aécio, se Eduardo (Campos) estivesse aqui, essa seria a posição dele", disse França, em breve discurso feito no diretório estadual do PSDB, onde os tucanos e correligionários se reuniram para dar entrevistas após o resultado das urnas.

A defesa em prol do presidenciável tucano Aécio Neves, que disputará o segundo turno dessas eleições com a presidente e candidata à reeleição pelo PT, Dilma Rousseff, também foram as tônicas dos discursos do governador reeleito de São Paulo, Geraldo Alckmin, e do senador eleito Jose Serra. Em seu pronunciamento, Serra disse que há duas tarefas pela frente: eleger Aécio presidente da República e reconstruir o Brasil.

Segundo Serra, não basta trocar a presidente, é preciso mudar muita coisa no País. "Será uma tarefa difícil de reconstrução", emendou. Na mesma linha, Alckmin disse que Aécio já começa a contar a partir de agora com o apoio dos correligionários de São Paulo. "Quem vai marcar o gol é o povo e de virada é melhor", disse numa referência indireta ao crescimento de Aécio sobre a adversária do PSB, Marina Silva, que o levou ao segundo turno da disputa presidencial.

TAGS