PUBLICIDADE
Notícias

Favorito em PE, Câmara diz que terá 'uma linda vitória'

14:00 | 04/10/2014
Líder nas pesquisas de intenção de voto na disputa pelo governo de Pernambuco, o candidato Paulo Câmara (PSB) percorreu alguns mercados tradicionais de Recife neste sábado, véspera de eleição.

Após cumprimentar eleitores no Mercado da Encruzilhada, no bairro que leva o mesmo nome, o candidato considerou que terá amanhã uma linda vitória na corrida pelo governo estadual. "Estou muito tranquilo, sereno e preparado para governar Pernambuco a partir de 2015 junto com esse conjunto de forças que me apoiou e junto com a população de Pernambuco, que vai me dar uma linda vitória amanhã. O clima nas ruas já é esse, as pesquisas já mostram e amanhã vamos esperar os resultados das urnas para ver o quanto a gente vai ganhar", afirmou Câmara.

Pesquisa Datafolha divulgada nessa quinta-feira, mostra que o candidato lidera a disputa ao governo de Pernambuco, com 46% das intenções de voto. Armando Monteiro (PTB) aparece na sequência, com 36%. Zé Gomes (PSOL) tem 1% e os demais candidatos não pontuaram. Votos em branco e nulos somam 8%; indecisos: 9%. No levantamento anterior, Paulo tinha 43% e Armando, 34%.

Na saída do Mercado Encruzilhada, o candidato também falou sobre as críticas recebidas pelo principal adversário, Armando Monteiro (PTB), que vem usando nos últimos dias entrevista feita por Câmara em que o socialista afirma que será difícil governar sem o "padrinho político", Eduardo Campos, morto em acidente aéreo no último dia 13 de agosto.

"Era no sentido da ausência de um grande líder, de um amigo, com um pessoa que convivi por mais de 20 anos. Gostaria muito que ele estivesse junto de mim e vibrar com o meu governo... os ideais e sonhos de Eduardo estão comigo e vamos fazer um governo que vai honrar as tradições da Frente Popular, a forma que ele governava, e todo o trabalho que ele iniciou", ressaltou.

O candidato deve encerrar os atos de campanha no dia de hoje em um almoço previsto para ocorrer no Mercado Madalena, no bairro que leva o mesmo nome, ao lado de correligionários e candidatos da coligação.

TAGS