PUBLICIDADE
Notícias

Boca de Urna/Ibope: Alckmin seria eleito no 1º turno

17:50 | 05/10/2014
O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), pode ser reeleito no primeiro turno, com 52% dos votos, de acordo com pesquisa de boca de urna Ibope/TV Globo divulgada na tarde deste domingo (5). Segundo o levantamento, o candidato Paulo Skaf (PMDB) tem 22% e Alexandre Padilha (PT), 20%. Como a margem de erro é de 2 pontos porcentuais para mais ou para menos, Skaf e Padilha estão empatados tecnicamente.

No Rio, deve haver segundo turno entre o governador Luiz Fernando Pezão (PMDB), candidato à reeleição, e o deputado Anthony Garotinho (PR), segundo pesquisa de boca de urna do Ibope. Pezão registrou 34% dos votos e Garotinho, 28%. O senador Marcelo Crivella (PRB) apareceu em terceiro lugar na pesquisa, com 18% dos votos declarados, seguido pelo também senador Lindbergh Farias (PT), com 11%.

Em Minas Gerais, a boca de urna mostra que o ex-ministro Fernando Pimentel (PT) deve ser o novo governador do Minas Gerais. O petista deve ter 53% dos votos e o candidato do PSDB, Pimenta da Veiga, deve registrar 37%. Como a margem de erro é de 2 pontos porcentuais para mais ou para menos, o petista deve ser o próximo governador.

No Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg obteve 44% dos votos válidos na eleição deste domingo (5)e deve disputar o segundo turno com Jofran Frejat (PR), que teve 29%. O atual governador e candidato à reeleição pelo PT, Agnelo Queiroz, teve 21% das intenções de voto.

No Rio Grande do Sul, Tarso Genro (PT), candidato à reeleição, deve ter 35% dos votos válidos na votação deste domingo (5), segundo o Ibope, seguido de José Ivo Sartori (PMDB), com 29%, e Ana Amélia Lemos (PP), com 26%. Como a margem de erro é de 2 pontos para mais ou para menos, ainda não é possível definir adversário de Tarso nos segundo turno.

Na Bahia, a pesquisa mostra que Rui Costa (PT) deve ser eleito governador, pois tem 53% das intenções de votos válidos, já que o levantamento tem margem de erro de 2 pontos para mais ou para menos. Paulo Souto (DEM) tem 37% dos votos válidos.

Paulo Câmara (PSB) deverá ser o novo governador de Pernambuco. Ele deve ter 58% dos votos válidos. Armando Monteiro (PTB) aparece com 38%.

No Paraná, Beto Richa (PSDB) tem 55% dos votos na boca de urna, e venceria o pleito no primeiro turno. Roberto Requião (PMDB) tem 17% e Gleisi Hoffman (PT), 14%.

A pesquisa de boca de urna no Ceará aponta o candidato Eunício Oliveira (PMDB) com 49% contra 44% do adversário Camilo (PT), com 44%.

TAGS