PUBLICIDADE
Notícias

Rui Falcão: Não temos atacado a candidata Marina

15:50 | 13/09/2014
O presidente nacional do PT, Rui Falcão, afirmou neste sábado, 13, que a campanha da presidente Dilma Rousseff não tem atacado a candidata Marina Silva (PSB) e sim criticado as suas propostas. Questionado sobre as reclamações de Marina, que acusa o PT de estar sendo agressivo, o petista rebateu e afirmou que é Marina quem tem feitos ataques mais graves. "Nós não temos atacado a candidata em nenhum momento, ao contrário, ela que nos acusou de ter colocado um ladrão na Petrobras. Está sendo processada inclusive por isso", disse.

Segundo Falcão, a campanha petista está criticando o programa divulgado pela candidata. "Nós temos criticado o programa dela, que ela divulgou, que está impresso, nós não temos nada contra ela a não ser com o programa, que nós discordamos", disse.

O petista negou que o programa do partido esteja usando uma "tática do medo" contra Marina. "Que medo? Nós estamos dizendo que os bancos estão apoiando ela. Será que o povo tem medo de banqueiros?", questionou. Segundo ele, ao conhecer as propostas de Marina é que as pessoas ficam com medo. "É um programa que fala em desmontar a indústria, que fala em dar independência para o Banco Central, que fala na terceirização das atividades fins dos trabalhadores. É isso que deve estar intimidando as pessoas", disse. "Nós não estamos estimulando o medo em relação a ninguém", completou.

Rui negou que peça eleitoral que mostra uma família ficando sem comida no prato enquanto o narrador critica a proposta de independência do Banco Central, que é defendida por Marina, seja classificada como tática do medo. "É um símbolo. As pessoas veem que seu emprego pode estar em risco de os banqueiros tomarem conta da economia", disse, ressaltando que o programa também mostra as propostas e realizações dos 12 anos do governo do PT.

Falcão lembrou a afirmação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva de que Marina não deve ter lido o seu programa de governo. "Se ela efetivamente leu cada página do programa talvez ela tenha esquecido o que aprendeu na convivência conosco", provocou. Ele disse ainda que para ser presidente é preciso "mais controle e mais firmeza". "Ela está com muitas idas e vindas também, isso gera insegurança na população. Um dia é a favor dos transgênicos, outro dia é contra. Um tweet muda a orientação dela", disse.

Questionado sobre se a presidente Dilma lançará um programa de governo oficialmente a exemplo de Marina, Rui disse que o PT tem "um grande programa de governo que são esses 12 anos".

TAGS