PUBLICIDADE
Notícias

Militantes de Camilo Santana e Eunício Oliveira entram em conflito

Procurados pelo O POVO Online, as duas coligações apresentaram versões diferentes

23:15 | 08/09/2014
NULL
NULL
Os militantes dos candidatos ao Governo do Ceará, Eunício Oliveira (PMDB) e Camilo Santana (PT), entraram em conflito na noite desta segunda-feira, 8, durante ato de campanha dos dois partidos. A confusão ocorreu no cruzamento formado pelas avenidas Dom Luís e Virgílio Távora, na Varjota. Viaturas da Polícia Militar (PM) estiveram no local para controlar a situação. De acordo com a PM, ninguém foi preso. Procurados pelo O POVO Online, as duas coligações apresentaram versões diferentes.

Versão - Camilo Santana
Segundo a assessoria da coligação de Camilo Santana, foi solicitada no Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) a permissão para os ativistas - ligados à campanha do candidato - ir aquela área. A militância de Eunício Oliveira não teria respeitado a determinação.

[SAIBAMAIS2]A assessoria do candidato também informou ao O POVO Online que os ativistas ligados à campanha de Eunício teriam chegado ao cruzamento com uma postura ofensiva. Ainda de acordo com a coligação, a Polícia teria sido acionada pelos militantes de Camilo.

Versão - Eunício Oliveira
Conforme uma militante ligada à coligação de Eunício Oliveira, que não quis ser identificada, a militância da Juventude do PMDB faz uma agenda das atividades e publica nas redes sociais. "Toda vez que divulgamos a agenda, eles (coligação de Camilo Santana) mandam ativistas para nos coibir", diz ela, que afirmou ter acionado à Polícia.

A confusão teria começado quando carros de som, da campanha do candidato Camilo Santana, estacionaram na ciclovia. Segundo ela, militantes do PMDB pediram para o grupo desobstruir a faixa exclusiva para bicicletas e teriam sido xingados como represália. "Eles jogaram garrafas na gente e agrediram um militante da juventude do PMDB. O vidro de um carro também foi quebrado", conta.

Lucas Mota

TAGS