PUBLICIDADE
Notícias

Justiça nega direito de resposta à coligação de Camilo Santana

A coligação do candidato petista pediu direito de resposta a publicações em páginas na internet com ataques ao petista

21:31 | 09/09/2014

O juiz Carlos Henrique Garcia de Oliveira negou, na segunda-feira, 8, pedido de direito de resposta da coligação “Para o Ceará Seguir Mudando” diante de supostos ataques feito por integrantes da coligação “Ceará de Todos”.

A coligação do candidato ao Governo Camilo Santana (PT) pediu direito de resposta a publicações em páginas na internet com ataques ao petista, feitas por integrantes da coligação do candidato Eunício Oliveira (PMDB). Uma das publicações destacadas mostra números de processos nos quais Camilo figura como réu.

%2b Militantes de Camilo Santana e Eunício Oliveira entram em confronto

Diante da negação do juiz, a coligação de Camilo tem o prazo de 24 horas para apresentar defesa. Procurada pelo O POVO Online, a coligação do candidato petista disse que não comenta decisões da Justiça.

Redação O POVO Online

TAGS