PUBLICIDADE
Notícias

Empreiteiras São as principais financiadoras de campanha

07:50 | 08/09/2014
As empreiteiras foram as principais financiadoras das campanhas presidenciais de PT, PSB e PSDB até o fim de agosto, com R$ 63,1 milhões em doações. O valor leva em conta as 20 maiores quantias doadas a Dilma Rousseff (PT), Marina Silva (PSB) e Aécio Neves (PSDB).

O levantamento foi feito pelo Estadão Dados com base nos registros apresentados pelas campanhas à Justiça Eleitoral.

Dilma é a que mais recebeu das construtoras: R$ 41 milhões. Entre as maiores doadoras estão OAS (R$ 20 milhões), Andrade Gutierrez (R$ 11 milhões), UTC Engenharia (R$ 5 milhões) e Triunfo (R$ 5 milhões).

Em segundo lugar nas doações desse segmento, com praticamente metade do valor arrecadado pelo PT, aparece Aécio. O tucano recebeu R$ 12 milhões da Andrade Gutierrez e R$ 3 milhões da OAS. Outras quatro empresas - UTC, MRV, CR Almeida S.A. Engenharia de Obras e Norberto Odebrecht - doaram R$ 1 milhão cada. A construtora Barbosa Mello S.A. contribuiu com R$ 750 mil e a Via Engenharia, com R$ 500 mil. O total chega a R$ 20,25 milhões.

A campanha do PSB recebeu R$ 800 mil da Andrade Gutierrez, R$ 600 mil da OAS e R$ 500 mil da Lidermac Construções e Equipamentos, num total de R$ 1,9 milhão, um décimo do arrecadado por Aécio no mesmo setor.

Alimentos

Depois das construtoras, o setor de alimentos foi o que mais contribuiu com os três candidatos. O setor doou R$ 46,7 milhões. Dilma arrecadou R$ 29 milhões, praticamente o triplo de Aécio e Marina.

Só o JBS contribuiu com R$ 26 milhões para os três candidatos. Se for considerado o valor doado pela Flora Produtos de Higiene e Limpeza, outra empresa do grupo, o montante sobe para R$ 31 milhões. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

TAGS