PUBLICIDADE
Notícias

Camilo Santana destaca Ronda do Quarteirão e metas do atual governo como propostas

O postulante ao Governo do Estado pela aliança Pros/PT é entrevistado por um grupo de jornalistas do O POVO

11:37 | 08/09/2014

Camilo Santana, candidato do PT ao Governo do Estado, questionado sobre metas e propostas para a área da Segurança Pública, disse que, se eleito, manterá “os programas que estão funcionando bem” e investirá em educação.

O candidato voltou a defender a reorganização do programa Ronda do Quarteirão para retomar o propósito de ser uma polícia cidadã. “Quando o Ronda foi criado, em 2008, foi muito bem avaliado pela população. Quando houve aquela paralisação em 1° de janeiro de 2012, quando houve quebra da estrutura de segurança, o problema da segurança no Estado deu um salto”, disse Camilo.

Ele frisou que manterá programas metas de redução de homicídios e premiação por metas atingidas. “A informação que tenho é que a meta era reduzir 6% dos homicídios. Em agosto reduzimos 14,5%”, afirmou. Ele disse ainda que aumentará o efetivo policial e as delegacias com atendimento 24 horas.

Questionado sobre o motivo de o Ronda não ter tido sucesso, Camilo se esquivou da resposta e ressaltou ações do atual governo como divisão de combate ao tráfico de drogas, monitoramento por câmeras, academia de formação de polícia, controladoria de disciplina, construção de delegacia, dentre outras.

“Não se resolve o problema da violência só com mais polícia ou só com mais programa. A grande saída para que a gente possa diminuir a violência é escola de tempo integral, e essa será a minha principal bandeira", ressaltou Camilo.


Acompanhe a sabatina:
TV O POVO: canal aberto (48); Multiplay (23); Net (24)

Rádio O POVO/CBN: 95,5 (FM); 1.010 (AM)

Redação O POVO Online

TAGS