PUBLICIDADE
Notícias

Ex-prefeito de Amontada declarou apoio a Eunício Oliveira, esclarece PMDB

11:45 | 30/07/2014
Um conflito de informações gerou desentendimento entre as assessorias dos candidatos Camilo Santana (PT) e Eunício Oliveira (PMDB), na terça-feira, 29, em relação a apoio de prefeito do Interior.

O peemedebista, em entrevista o jornal Diário do Nordeste, na segunda-feira, 28, afirmou que teria recebido uma ligação do prefeito petista do município de Amontada, avisando que apoiaria a candidatura de oposição ao PT.

Após o atual prefeito da cidade, Paulo César, negar, através da assessoria de Camilo, que apoiaria Eunício, a assessoria do PMDB esclareceu a informação. O ex-prefeito de Amontada, Edvaldo Assis de Jesus, que também é petista, foi quem garantiu apoio a Eunício.

Passado menos de um mês das convenções que definiram as alianças eleitorais, vários políticos já “pularam a cerca” para apoiar candidatos a governador de fora de suas coligações. Até agora, pelo menos três deputados e cinco prefeitos de partidos aliados já “trocaram o barco” petista pela candidatura de Eunício. Em contrapartida, três prefeitos e dois vereadores de Fortaleza deixaram a aliança peemedebista para apoiar Santana.

Redação O POVO Online

TAGS