PUBLICIDADE
Notícias

Delcídio 'esconde' PT em campanha ao governo do MS

20:30 | 29/07/2014
A campanha de Delcídio Amaral em Mato Grosso do Sul vai fazer de tudo para o candidato ficar menos vinculado possível ao PT, partido com alta taxa de rejeição no Estado. Líder isolado nas pesquisas de intenção de voto, o senador petista mantém a imagem de autonomia em relação à legenda desde 2005, quando foi presidente da CPI dos Correios, que investigou o escândalo do mensalão. Na campanha pelo governo estadual, Delcídio terá como mote da propaganda eleitoral a letra D, que inicia seu nome e, por coincidência, o de seu marqueteiro, o publicitário Duda Mendonça. O jingle, que não cita o PT ou o número 13, vai direto ao ponto: "Cada um tem um número de sorte ou uma cor preferida, mas é a letra que começa seu nome a sua marca mais forte".

TAGS