PUBLICIDADE
Notícias

Aécio Neves tenta colar sua imagem à de Alckmin

16:10 | 19/07/2014
Em sua primeira caminhada pública em São Paulo desde que oficializou a candidatura à Presidência da República, Aécio Neves tentou colar sua imagem à do correligionário Geraldo Alckmin, que lidera as pesquisas de intenção de voto para o governo do Estado. Em evento na região da M'Boi Mirim, na Zona Sul de São Paulo, Aécio elogiou por diversas vezes o governador e disse que ambos fazem parte de "um só projeto".

"Eu quero dizer da minha alegria de poder estar aqui aprendendo a cada dia e vendo a cada momento exemplos da extraordinária gestão do governador. Alckmin é a síntese daquilo que o Brasil precisa: seriedade e competência numa só pessoa", elogiou o presidenciável, que chegou a agradecer ainda a "solidariedade" do correligionário neste início de campanha. Durante a caminhada, Aécio fez questão de ressaltar que estava feliz por iniciar "em boa companhia".

Os elogios se estenderam ainda ao vereador Milton Leite (DEM), cuja militância recebeu Aécio na Zona Sul, e ao candidato ao Senado, José Serra. No ano passado, Serra também tinha o nome cogitado para a disputa da Presidência pelo PSDB. Ele compareceu ao local e fez um breve discurso em favor de Aécio. Também estiveram presentes outros nomes do PSDB paulista como o ex-governador Alberto Goldman, o vereador Andrea Matarazzo e o deputado José Aníbal.

O engajamento do PSDB paulista na campanha do mineiro Aécio Neves esteve em dúvida em muitas oportunidades durante o processo de escolha do candidato tucano. A definição de um vice de São Paulo, Aloysio Nunes Ferreira, foi considerada uma cartada para unir o partido no Estado em torno da candidatura de Aécio. "São Paulo terá um papel decisivo nestas eleições. São Paulo já disse sim para a administração Geraldo Alckmin e eu acredito que no momento certo dirá sim para as mudanças que o Brasil precisa", disse Aécio neste sábado.

TAGS