PUBLICIDADE
Notícias

Nicolle Barbosa renuncia à candidatura de vice-governadora pela chapa PSB/Rede

A ex-candidata afirma que sai com a "consciência tranquila" e segue trabalhando pela nova política de Eduardo Campos e Marina Silva

19:30 | 30/06/2014
Após ser anunciada como vice de Eliane Gomes, que disputará o Governo pela chapa do PSB/Rede, Nicolle Barbosa renunciou à candidatura, na tarde desta segunda-feira, 30. A ex-candidata enviou nota ao partido informando a renúncia, também à presidência do Diretório Municipal de Fortaleza. A candidatura, conforme ela, teria sido imposta pelo partido.

Nicolle citou que o presidente do PSB no Ceará, Sergio Novais, não teria lhe “dado tempo para reflexão”. “Profundamente constrangida e, em respeito aos convencionais presentes, fui compelida a concordar. Diante desses fatos, não me resta outra atitude digna, senão renunciar”, explicou.

O PSB trabalhava com a pré-candidatura de Nicolle Barbosa há cerca de quatro meses, mas em reviravolta, o partido anunciou a candidatura de Eliana Novais. A nova candidata disse que a decisão foi orientação do próprio candidato à presidência da República e presidente nacional do PSB, Eduardo Campos.

Na carta, Nicole afirma ter trabalhado “arduamente” para reconstruir o partido, visando uma nova política. “Construímos um Programa de Governo buscando o melhor para o Desenvolvimento Socioeconômico do Ceará. Projeto esse, que já entreguei, em mãos, ao Presidente Nacional do PSB [Eduardo Campos]”, completou.
Veja a nota na íntegra:

[SAIBAMAIS 2] ''Exmo. Senhor Presidente Estadual do PSB Ceará, Sergio Novais, Companheiros de Partido e Sociedade Civil Cearense;

Venho por esta via, com a máxima consideração e total respeito pelos companheiros do partido e pela sociedade civil do Ceará, apresentar minha RENÚNCIA à candidatura a vice-governadora do Estado do Ceará na chapa do PSB/Rede, aprovada na Convenção Estadual, na tarde desta segunda-feira, 30, na Câmara Municipal de Fortaleza. Na oportunidade, renuncio também à presidência do Diretório Municipal de Fortaleza.

Tendo em vista a maneira como foi imposta pelo Presidente do Partido no Ceará, Sergio Novais, a minha candidatura a vice-governadora na chapa encabeçada pela Deputada Estadual Eliane Novais, de forma intempestiva, sem me assegurar o mínimo de tempo para fazer reflexão do que estava acontecendo, profundamente constrangida e, em respeito aos convencionais presentes, fui compelida a concordar. Diante desses fatos, não me resta outra atitude digna, senão renunciar.

Nos últimos oito meses, trabalhei arduamente, não medi esforços para reconstruir o PSB Estadual e Municipal de Fortaleza, visando, de fato, uma NOVA POLÍTICA. Nesse período, construímos um Programa de Governo, resultado de encontros em todas as regiões do Estado, ouvindo a sociedade e buscando o melhor para o Desenvolvimento Socioeconômico do Ceará. Projeto esse, que já entreguei, em mãos, ao Presidente Nacional do PSB, Eduardo Campos.

Saio com a consciência leve, tranquila de ter dado o melhor de mim, mas não abro mão de continuar trabalhando pela NOVA POLÍTICA de Eduardo Campos e Marina Silva. Nesse sentido, vamos, juntos com a Rede Sustentabilidade, criar o Comitê Suprapartidário pela eleição de Eduardo e Marina.

Atenciosamente,
Nicolle Barbosa''


Redação O POVO Online

TAGS