PUBLICIDADE
Notícias

Vereadora quer proibir flanelinhas e limpadores de para-brisas em Fortaleza

Segundo Bá, a medida representaria inclusive melhoria na segurança da população, pois flanelinhas utilizariam dinheiro para "fomento ao uso de drogas"

14:01 | 27/05/2014
NULL
NULL
Começou a tramitar nesta terça-feira, 27, na Câmara Municipal, proposta da vereadora Bá (PTC) que torna ilegal a prática de guardadores de carro - os chamados "flanelinhas" - e limpadores de para-brisas não credenciados em Fortaleza.

Sem estipular sanções para quem desrespeitar a medida, a vereadora cobra que a Prefeitura atue no sentido de formular penas e firmar convênio com a Polícia Militar para coibir “infratores”. Diferente de outras propostas semelhantes, que geralmente regulamentam a atividade, a proposta da líder comunitária Bá é mais rigorosa, apenas proibindo a prática.

Em sua justificativa, ela destaca a necessidade de se aprovar a medida antes da Copa do Mundo, para evitar que turistas sofram “constrangimentos” da abordagem de flanelinhas. A vereadora argumenta ainda que flanelinhas usariam recursos obtidos com o serviço “para o fomento ao uso de drogas".

“A aprovação desta lei contribuirá para a segurança do cidadão, uma vez que não mais haverá guardadores descredenciados, contribuirá para o combate ao uso e ao tráfico de drogas, pela cessação da mendicância, contribuirá para a segurança e para o bem-estar da população”, diz.

Redação O POVO Online

TAGS