PUBLICIDADE
Notícias

Oposição na Câmara tenta viabilizar CPI na terça-feira

12:10 | 27/03/2014
Os líderes de PSDB, DEM, PPS e Solidariedade na Câmara se reunirão na próxima terça-feira, 01, para viabilizar uma CPI mista da Petrobras. A intenção é aparar arestas internas e concentrar esforços para a coleta de assinaturas em adesão ao requerimento que já tem apoio no Senado. Até o momento, foi protocolado apenas um pedido de investigação exclusivo de senadores.

A coleta de assinaturas está gerando conflitos na Câmara devido uma busca pela autoria da iniciativa. Antes da reunião na qual o presidenciável Aécio Neves (PSDB-MG) acertou a estratégia de busca de apoios no Senado, o PPS já coletava na Câmara assinaturas para um pedido de CPI mista. Este requerimento ultrapassou ontem as 171 assinaturas necessárias (já tem 178), mas não tem ainda apoio de nenhum senador.

Em paralelo, Aécio e os líderes no Senado buscaram apoio para outro requerimento, de autoria do senador Álvaro Dias (PSDB-PR). Somente ontem este pedido começou a circular na Câmara para a coleta de assinaturas.

Para evitar a briga interna, o líder do DEM na Câmara, Mendonça Filho (PE), acertou com os colegas uma reunião na terça-feira para apaziguar os ânimos. A intenção é produzir um acordo para que a coleta seja concentrada em único requerimento. A preferência da maioria dos líderes é pelo texto do Senado, que inclui a construção de refinarias, permitindo a investigação da construção da Abreu e Lima, em Pernambuco, que ocorreria em sociedade do Brasil com a Venezuela.

TAGS