PUBLICIDADE
Notícias

Deputado diz que aumento do IPTU teve "pegadinhas" durante tramitação na Câmara

12:29 | 05/02/2014
O deputado estadual Roberto Mesquita (PV) afirmou na manhã desta quarta-feira, 5, que o aumento do IPTU aprovado pela Câmara Municipal em dezembro teve “pegadinhas” durante a tramitação do projeto.

Mesquita diz que a proposta que chegou à Câmara recebeu emendas positivas de alguns vereadores, mas disse que os parlamentares foram “pegues de surpresa”, já que as alíquotas aprovadas incidiam em uma nova planta de valores.

“A questão é que, para que essa planta de valores fosse elaborada, era necessária a criação de uma comissão, com a presença de pelo menos um vereador” disse Mesquita. Essa comissão, segundo ele, não existiu. “A cidade está inconformada” resumiu.

O deputado apresentou ainda alguns comparativos de cobranças atuais com anos anteriores. “No bairro Panamericano, por exemplo, ano passado era de R$ 296,00 e neste ano R$ 2.203,00. A área aumentou, mas não a esse ponto”, enfatizou.

A polêmica sobre o reajuste do IPTU motivou o primeiro embate deste ano na Câmara Municipal, na sessão de ontem. Alguns vereadores relataram casos de moradores que receberam a cobrança com mais de 100% de aumento em relação ao ano passado.
 
Redação O POVO Online 

TAGS