PUBLICIDADE
Notícias

Gestão Roberto Cláudio convoca empresas de terceirização para tratar dos salários de funcionários

Segundo a presidente do Sindicato dos Empregados em Empresas de Asseio e Conservação do Ceará (Seeaconce), Penha Mesquita, pelo menos cinco empresas estão devendo o mês de dezembro de 2012

18:49 | 21/01/2013

Com o objetivo de obter informações sobre a situação salarial de funcionários terceirizados, a Prefeitura de Fortaleza começa a convocar, a partir de amanhã, as empresas prestadoras de serviços responsáveis por contrar esse tipo de mão de obra. A decisão, segundo a assessoria do Palácio do Bispo, foi tomada nesta quinta-feira, 21, após reunião entre o presidente do Instituto de Planejamento de Fortaleza (Iplanfor), a titular da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Socorro Martins, e uma comissão de terceirizados das áread de Educação e Saúde.

Segundo a presidente do Sindicato dos Empregados em Empresas de Asseio e Conservação do Ceará (Seeaconce), Penha Mesquita, pelo menos cinco empresas estão devendo o mês de dezembro de 2012 e, em alguns casos, haveria empresa que deve também o 13º salário. Socorro Martins, por sia vez, explicou à comissão que mais de 300 empenhos foram cancelados pela gestão Luizianne Lins (PT) somente na área da saúde, no último dia do ano de 2012, o que impossibilitaria que a atual gestão realize os pagamento.

Quanto ao Instituto de Desenvolvimento Tecnológico e de Apoio à Gestão de Saúde (IDGS), empresa com maior número de terceirizados na área da saúde - cerca de 5,3 mil, Eudoro Santana expôs a existênvia de problemas administrativos e jurídicos com a instituição.

De acordo com a Prefeitura, a secretária de Saúde argumentou ainda que o IDGS deveria ser responsável pela gestão dos servidores, o que envolve uma série de exigências legais. Entre elas, prestação de contas transparente e permanente. Contudo segundo Socorro, o instituto não prestaria esse serviço, funcionando apenas como uma empresa de contratação de mão de obra.

Redação O POVO Oline

com informações da 

assessoria da PMF

TAGS