PUBLICIDADE
Notícias

Alves nega ser investigado por fraude em licitações

15:45 | 16/01/2013
O candidato à presidência da Câmara dos Deputados Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN) afirmou, nesta quarta-feira, que não está respondendo a nenhuma acusação sobre fraude em licitações. "Eu sou autor das emendas. Depois das licitações não tenho mais nada a ver com o assunto. Não há nenhuma acusação contra mim, apenas questionamentos", disse.

Alves evitou citar o nome do seu ex-assessor Aluízio Dutra Almeida, pivô das denúncias que o relacionam a irregularidades nos contratos públicos. Pelo menos três denúncias já foram apuradas pela CGU (Controladoria Geral da União), referentes a contratos fechados com a maioria das prefeituras do Rio Grande do Norte.

Alves também negou ter conhecimento da existência de uma casa na periferia de Natal tida como sede das empresas de Almeida e que, segundo moradores da região, é vigiada por um bode, batizado de "Galeguinho".

Eduardo Alves foi a Campo Grande cumprindo agenda fechada com os Estados governados por peemedebistas e disse ter saído feliz do gabinete do governador André Puccinelli (MDB). "O governador garantiu o apoio e inclusive vai falar pessoalmente com cada um dos sete deputados da bancada federal sul-mato-grossense sobre a minha candidatura. Estou tranquilo. Tenho apoio de 14 partidos na Câmara Federal e de sete governadores nos Estados, até agora", assegurou.

TAGS