PUBLICIDADE
Notícias

Presidente do STF impede nova questão de ordem

18:57 | 02/08/2012
O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Ayres Britto, impediu que o advogado Alberto Toron fizesse uma nova questão de ordem no julgamento do mensalão. Toron queria questionar novamente o tribunal sobre o uso de elementos audiovisuais nas sustentações dos advogados. O STF negou esse pedido ontem. Na sessão desta quinta, o Supremo demorou mais de três horas para responder, e negar, um pedido de desmembramento do processo.

Toron queria retomar a questão porque a decisão foi por 5 a 4, mas dois ministros não votaram. Ele acreditava que o resultado pudesse ser revertido. Britto o interrompeu, disse que a questão já foi decidida e deu a palavra ao ministro Joaquim Barbosa, que fará uma leitura de um resumo de seu relatório.

TAGS