Termo de Uso Política de Privacidade Política de Cookies Conheça O POVO Trabalhe Conosco Fale com a gente Assine Ombudsman
Participamos do

Putin vacinado contra a covid-19 – mas longe das câmeras

00:02 | Mar. 27, 2021
Autor - DW
Foto do autor
- DW Autor
Tipo Notícia

Governo russo diz que presidente finalmente tomou a primeira dose, mas de forma privada. Putin vinha hesitando em se vacinar, o que para especialistas pode ter contribuído para a lentidão da vacinação no país.O presidente da Rússia, Vladimir Putin, é famoso por aparecer em fotos sem camisa. Mas quando se trata da vacinação contra o coronavírus, parece que os russos não poderão vê-lo sequer arregaçando as mangas. O governo russo anunciou que Putin finalmente tomou a primeira dose da vacina na terça-feira (23/03), depois de o próprio presidente ter anunciado que o faria nessa data. O porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, não quis revelar com qual dos três imunizantes disponíveis no país o líder russo foi vacinado, se limitando a dizer que todos eles são "absolutamente confiáveis, eficazes e seguros". Não há imagens do grande momento. Antes de terça-feira, Peskov já havia antecipado que as pessoas teriam "que acreditar em nossa palavra" sobre se Putin foi vacinado ou não. Afinal, o presidente "não gosta" da ideia de receber a injeção ao vivo diante das câmeras, como outros líderes mundiais já fizeram. Na Rússia, tem havido grande especulação sobre por que o presidente não foi o primeiro na fila para receber a vacina Sputnik V contra o coronavírus, depois que a Rússia lançou sua campanha de vacinação no início de dezembro. Inicialmente, Putin disse que não seria vacinado por causa de sua idade, depois porque isso conflitava com seu calendário de vacinação. A Sputnik V foi batizada em homenagem ao primeiro satélite do mundo, em uma alusão à corrida espacial da Guerra Fria. A vacina saiu às pressas no ano passado, apesar de relatos de que a terceira fase dos testes não havia sido concluída. Putin, que classificou a vacina russa como "a melhor do mundo", se gabou nesta semana por ela já ter sido aprovada em 55 países. Em fevereiro, uma pesquisa revisada por outros cientistas e publicada na revista científica The Lancet apontou que a vacina é 91,6% eficaz. Além da Sputnik, mais uma vacina russa já está disponível e outra está prestes a ser introduzida. Enquanto isso, na União Europeia, a Sputnik passa atualmente por análise antes de uma possível aprovação. Turismo de vacinas para a Rússia A DW falou com representantes de duas agências de turismo europeias, uma com sede na Noruega e outra na Itália, e ambas confirmaram planos de organizar viagens de vacinação à Rússia, o que permitiria aos viajantes receber duas doses da Sputnik V e ainda fazer turismo. Pietro di Febo, diretor da agência de turismo italiana Eurasian Travel, disse à DW que já existe uma grande demanda para os roteiros de vacinação, embora sua empresa ainda nem tenha começado a divulgá-los. Segundo Febo, atualmente há 250 pessoas na lista de espera para uma excursão de vacinação, embora o Ministério da Saúde da Rússia tenha insistido nesta semana que a vacina é atualmente apenas para cidadãos russos e não para turistas estrangeiros. Uma difícil batalha Até o momento, porém, o lançamento da vacina russa tem obtido mais sucesso no exterior do que em casa. Nesta semana, Putin disse que pouco mais de 6 milhões de russos receberam pelo menos uma dose do imunizante. A taxa de vacinação na Rússia (atualmente em torno de seis doses por cem pessoas) é lenta, mesmo em comparação com países como a Alemanha, onde o ritmo da campanha de vacinação tem enfrentado enormes críticas. Autoridades do governo russo disseram que esperam vacinar 68 milhões de russos – ou 60% da população – até o verão no hemisfério norte, a fim de obter imunidade coletiva. Mas o governo pode estar enfrentando uma batalha difícil. Uma pesquisa feita em fevereiro pela organização independente de pesquisas Levada Center sugere que 62% dos russos não querem ser vacinados com a Sputnik V. E o número de pessoas que se recusam a receber a vacina tem aumentado constantemente nos últimos meses. O sociólogo Denis Volkov acredita queo ritmo lento da campanha de vacinação na Rússia se deve principalmente ao ceticismo. "Há muita incredulidade de que [o coronavírus] é uma doença grave. E isso afeta o número de pessoas que estão dispostas a se vacinar", disse o vice-diretor do Levada Center à DW. Segundo o levantamento mais recente dos pesquisadores, 56% dos russos dizem não ter medo da covid-19, enquanto quase dois terços dos russos acreditam que "o vírus foi criado artificialmente e é um novo tipo de arma biológica". Perigosamente destemidos Em um pequeno mercado no centro de Moscou, tanto os vendedores quanto os clientes confirmam as estatísticas, com entrevistados dizendo à DW que não planejam ser vacinados. "Não vou por nada neste mundo. Isso não é uma vacinação, é um experimento de engenharia genética", insiste um homem que compra romãs na barraca de frutas do mercado. Uma vendedora da barraca de bebidas entra na conversa, dizendo acreditar que a vacina que ela tomou contra a gripe será suficiente para protegê-la da covid-19. "Eu nasci na União Soviética. Não tenho medo de nada nesta vida. De nada." E acrescenta: "Deixe Putin tomar a injeção – eu não tomo. Só porque ele vai tomar, isso não muda nada para mim." Mas há outros que seguem, sim, o exemplo do líder. Especialistas dizem que a recusa de Putin em se vacinar até então vinha impactando o ritmo da campanha de vacinação na Rússia. "Dois terços das pessoas aprovam suas ações. Para esses dois terços dos russos, faz diferença se o presidente foi vacinado ou não", disse Volkov, do Levada Center. Ele acredita que as autoridades deveriam encorajar políticos e celebridades a receberem a vacina. "Todos em quem as pessoas confiam devem ser vacinados – na frente das câmeras", acrescenta. "Um de nós" Konstantin Kalachev, analista político independente, diz que a recusa de Putin em se vacinar diante das câmeras "levanta dúvidas – especialmente porque ele é conhecido por ter orgulho de seu corpo, sua imagem de macho e sua masculinidade". Ele também tem sua própria teoria sobre por que Putin esperou tanto para receber a injeção. "Acho que o próprio Putin é um cético quando se trata de vacinas. Ele é um de nós, é como um reflexo no espelho. Se a maioria dos russos não quer ser vacinada e tem medo dos efeitos colaterais – bem, Putin não poderia ter se tornado Putin se ele não fosse apenas como a maioria dos russos." Autor: Emily Sherwin Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Em clima de Olimpíadas, Sandy relembra época que praticava boxe

No Instagram
00:59 | Ago. 06, 2021
Autor Mateus Brisa
Foto do autor
Mateus Brisa Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Em clima de Olimpíadas, a cantora Sandy relembrou a época em que treinava boxe. Uma série de fotografias foi publicada pela artista em seu Instagram nesta quinta-feira, 5. “TBT em homenagem às Olimpíadas e na torcida pelos nossos atletas”, escreveu na legenda. Sandy afirmou ter praticado o esporte de combate durante 11 anos.

A apresentadora Angélica aparece em uma das imagens divulgadas por Sandy, a qual foi capturada durante participação da cantora no programa “Estrelas”. As outras duas fotografias foram registradas em outra gravação, para um programa esportivo que não foi nomeado pela artista. 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Flamengo vence ABC e está nas quartas da Copa do Brasil

Esportes
00:49 | Ago. 06, 2021
Autor Agência Brasil
Foto do autor
Agência Brasil Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O Flamengo garantiu a classificação para as quartas de final da Copa do Brasil após derrotar o ABC por 1 a 0, na noite desta quinta-feira (5) na Arena das Dunas, em Natal.

Neymar curte Ibiza ao lado de suposta namorada 'clone da Bruna Marquezine'

Brumar
00:47 | Ago. 06, 2021
Autor O Povo
Foto do autor
O Povo Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Para aproveitar seus últimos dias de férias, Neymar Jr. embarcou nesta semana para Ibiza, na Espanha. Muito bem acompanhado, o atacante do PSG foi flagrado durante um passeio de Iate ao lado de uma mulher com traços semelhantes ao de sua ex-namorada, Bruna Marquezine. Os internautas logo subiram a hashtag #Brumar (Bruna+Neymar), que voltou a figurar o Trending Topics do Twitter.

Apesar da semelhança física e nomes iguais, as ‘xarás’ Brunas possuem sobrenomes diferentes. Nas imagens, quem aparece trocando carinhos com o craque é a influenciadora digital Bruna Biancardi, que possui mais de 100 mil seguidores no Instagram. Ambos mantiveram discrição nas redes sociais e não publicaram fotos juntos.

 

Devido ao seu tipo físico parecido com o de Marquezine, Biancardi recebeu diversos apelidos na web. Desde “clone da Bruna Marquezine” até "impostora”. “Neymar não conseguiu reconquistar a Bruna Marquezine, então ele foi lá e arrumou um clone dela”, tuitou um internauta. “Eu jurando que o Neymar tava curtindo as férias com a Bruna Marquezine, mas ele tá é com uma impostora”, brincou outro.

Além da influencer digital, Davi Lucca, filho do Neymar Jr, familiares e amigos do jogador participaram do passeio.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Sessão da Tarde hoje: qual filme vai passar na TV Globo nesta sexta, 06/08

TV GLOBO
00:30 | Ago. 06, 2021
Autor
Tipo Noticia

Um filme estadunidense vai passar na Sessão da Tarde hoje, quarta-feira, 6 de agosto (06/08), às 15 horas (horário de Brasília), na TV Globo. Dirigido por Ken Scott, "De Repente Pai" é um longa-metragem de comédia.

David Wozniak descobre ser pai de 533 crianças através da doação de esperma. No entanto, algumas delas, já crescidas, passam a sentir a necessidade de conhecer o seu pai biológico.

Leia também | Série de "O Senhor dos Anéis" estreia em setembro de 2022 no Prime Video

Agora, David embarca em uma jornada que o leva a descobrir seu verdadeiro eu e o pai que pode se tornar.

Leia também | Netflix divulga trailer e pôster da 5ª temporada de "La Casa de Papel"

Lançado em 2013, o filme conta com Vince Vaughn, Chris Pratt, Cobie Smulders, Andrzej Blumenfeld, Simon Delaney e Bobby Moynihan no elenco.

Assista ao trailer do filme que vai passar hoje na Sessão da Tarde

Sessão da Tarde de hoje

De Repente Pai

Quando: hoje, sexta-feira, 6 de agosto (05/08), às 14h45min

Onde: no canal aberto da TV Globo

Podcast Vida&Arte

O podcast Vida&Arte é destinado a falar sobre temas de cultura. O conteúdo está disponível nas plataformas Spotify, Deezer, iTunes, Google Podcasts e Spreaker.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Maria Preá e a Teoria da Relatividade

00:30 | Ago. 06, 2021
Autor Tarcísio Matos
Foto do autor
Tarcísio Matos Autor
Ver perfil do autor
Tipo Crônica

Dr. João Cabeça, cabra nascido no Sertão Central, hoje estuda nos Estados Unidos. É o fraco! Está se pós-doutorando em Estado Mais ou Menos Sólido da Matéria numa das mais gabaritadas universidades norte-americana. Tipo que saiu dos matos, mas o mato não sai dele nem a pau; férias, sempre no Ceará, pescando, comendo beiju, coalhada... Tenta dizer em inglês, pro povo de lá, como é que o cearense fala isso e aquilo. O people se abre, acha que Dr. João fala sério. Nesse pormenor, ele me escreve contando história real, que dá até um TCC, a quem se atrever.

Era uma aula de Quântica. O professor, um conhecido Prêmio Nobel. Após longas explicações sobre um tal "Reino das Potencialidades, onde acontece o que chamamos de colapso de onda, com essas possibilidades se manifestando no reino da matéria, no nosso mundo real", vira-se pra turma e cisma de escolher justo Dr. João - caba do Sertão Central - pra opinar sobre o que explanara. O ilustre conterrâneo, invocado todo (comedor de peba quando rapaz, perito em armar fojo e montar jumento no osso), pega o giz e vai à lousa expor o que entendeu.

Rabiscou daqui, enunciou dacolá, multiplicou por dez e elevou a quinta potência; quando acabar, dividiu tudo por 123, noves fora 8. Tirou a raiz quadrada, somou a outra metade, passou a régua e botou um ponto final na extensa digressão. Como se dissesse "sou do bom e chego cedo!, deu um gritou (nem muito alto, nem muito baixo), externando a incontida alegria pelo sucesso do que houvera calculado:

- E morreu Maria Preá!!!

Ganhou um ponto (o máximo que um professor normalmente dá) e foi ovacionado por cinco minutos seguidos. E nunca mais se falou em Relatividade...

A unha de peba e o feliz casal

Irineuda, alta executiva no ramo de bulim, viajou às pressas pro Cariri e deixou o marido Dandão Barriga Branca cuidando dos meninos. Ele, sempre apaixonado, achou de fazer uma surpresa a ela, algo que dissesse de toda a admiração, carinho e amor que tinha no coração gentil. Teve uma ideia - infeliz ideia, como verem, crente que iria abafar quando a esposa regressasse. Passado uma semana, Irineuda liga pedindo a Dandão vá buscá-la na Rodoviária. Alegre feito pinto em balseiro, lá ele está. Ela, ainda ligada nos negócios, entra no carro não dá fé de nada. "Mas uma hora ela vai notar algo diferente n'eu!".

Pra encurtar conversa, os dois já estão deitados. Ela, super cansada, pede que ele "faça cósca" nas costas para logo adormecer, como de costume, arrastando a unha disforme (troncha) que ele cultiva (ou cultivava) desde que sofreu uma martelada de jeito, menino ainda. Sentindo um roçar de diferente (a mania tinha já 10 anos), Irineuda pula da cama e grita:

- Que foi que aconteceu?

- Amor, eu fui numa podóloga amiga...

- Pois vai levar tabefe no fucim tu e essa bruaca, seu...

- Ciúme, é?

- Deixa de ser abestado!

- Achei que tu ia gostar...

- Como gostar? É nessa tua unha de peba que eu me encontro e adormeço ligerim! Quero ela de volta, senão...

Leia também | Confira mais crônicas de Flávio Paiva, exclusivas para leitores do Vida&Arte

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags