Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

ONG russa contra a tortura é classificada como 'agente estrangeiro'

18:28 | Jun. 10, 2022
Autor AFP
Tipo Notícia

A ONG Comitê Contra a Tortura foi classificada nesta sexta-feira (10) como "agente estrangeiro" pelas autoridades russas, em meio a repressões à sociedade civil.

O nome dessa ONG, fundada em 2000, aparece na lista das organizações que, segundo Moscou, atuam como "agentes estrangeiros". A lista está disponível no site do Ministério da Justiça da Rússia.

O Comitê Contra a Tortura trabalha pressionando as autoridades para investigar maus tratos exercidos pelas forças de segurança. Acompanhou, por exemplo, a situação da Chechênia.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

A organização já havia sido incluída nessa lista antes, em 2015 e 2016, e havia decidido se auto dissolver e se recompor para escapar da classificação.

Esse rótulo identifica as organizações reconhecidas como culpadas de atuar contra os interesses de Moscou recebendo recursos estrangeiros.

As entidades assim classificadas devem indicar sua condição de "agente estrangeiro" em suas publicações, sob pena de duras multas, e submeter-se a pesados procedimentos administrativos, sobretudo desde o início da invasão russa da Ucrânia, no fim de fevereiro.

Desde então, muitas ONGs foram proibidas. Em abril, as autoridades russas fecharam os escritórios da Anistia Internacional e da Human Rights Watch.

bur/fjb/grp/dg/ic

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar